Após grave lesão, Alanzinho despista sobre Guarani e fala em chance no Palmeiras

O jogador sofreu uma grave lesão enquanto defendia o Bugre frete ao América

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 20 (AFI) - Sem espaço com o até então técnico do Palmeiras, Vanderlei Luxemburgo, Alanzinho foi emprestado ao Guarani, mas logo no começo de sua trajetória no time bugrino sofreu uma grave lesão na perna. O meia foi tirar a bola de Léo Passos, do América Mineiro e ex-companheiro nos tempos de Palestra Itália, e recebeu um chute, tendo a perna quebrada.

Após realizar cirurgia e iniciar o tratamento, Alanzinho revelou que não voltará a tempo de reforçar o Guarani na Série B, uma vez que só poderá atuar no próximo ano. Com isso, o jogador espera receber mais oportunidades no Palmeiras, onde vem realizando sua recuperação ao lado do departamento médico do clube.

Alanzinho com a camisa do Palmeiras
Alanzinho com a camisa do Palmeiras

"Acho que tenho que ter a cabeça boa, trabalhar firme para voltar melhor e, se Deus quiser, quando voltar melhor, conseguir ter uma oportunidade no Palmeiras agora.

Meu contrato ia até o fim da Série B, mas por conta da lesão, acho que só vou conseguir jogar a partir de janeiro, e no caso, já vai ter acabado a Série B. A gora é trabalhar firme aqui, para quando voltar, igual falei, buscar um espaço no Palmeiras", disse ao repórter Regis Melo.

LUXA REBATE GALIOTTE

MAIS DE ALAN!
Alanzinho tem 20 anos e fez apenas dois jogos com a camisa do Guarani. Pelo Palmeiras, vinha sendo destaque nas categorias de base. Em 2019, fez 51 jogos na equipe Sub-20 e marcou dez gols.

Sem Alanzinho, o Guarani vive um bom momento na Série B, tendo vencido os dois últimos jogos. O time campineiro é o 15º colocado, com 17 pontos, dois a mais do que o Figueirense, primeiro dentro da degola.