Série B: Guarani ainda sem goleiro titular e liberou Cavichioli ao América-MG

Rafael Pin volta ao gol bugrino diante do Sampaio. CBF oficializa o Bugre na condição de clube-formador

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 28 (AFI) - O goleiro Jefferson Paulino sofreu uma lesão no músculo adutor da coxa direita, na última partida diante do Figueirense no empate por 2 a 2 conquistado fora de casa. O atleta já está sob os cuidados do Departamento Médico, mas fora do jogo que o Bugre fará nesta terça-feira diante do Sampaio Corrêa, pela 11.ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B.

Com isso, Rafael Pin, ex-Internacional de Limeira volta a ser o titular e ganha mais uma chance para se firmar como titular. Aliás, uma grande discussão se faz em cima da irregularidade dos atuais goleiros bugrinos.

Matheus Cavichioli
Matheus Cavichioli

Por outro lado, a diretoria de futebol é questionada por ter liberado Matheus Cavichioli para o América-MG, onde é titular. Antes ele passou por outros clubes, como o Juventude-RS.

Segundo alguns analistas, este deveria ter sido o titular do Guarani na Série B, mas acabou deixando o Brinco de Ouro.

Caso semelhante aconteceu com o volante Ricardinho, um dos ídolos da torcida, que ficou por muito tempo na reserva sob o comando do ex-técnico Thiago Carpini. Emprestado ao Sport, Ricardinho é titular disputando o Brasileirão.


CLUBE FORMADOR
O Bugre recebeu pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF) o Certificado de Clube Formador. O Guarani, agora, faz parte dos 26 clubes a estarem na lista da CBF.

Gabriel Menino surgi no Brinco
Gabriel Menino surgi no Brinco
O que se espera, agora, é uma maior atenção aos seus garotos, porque as principais revelações estão defendendo outros clubes. É o caso, por exemplo, de Gabriel Menino, do Palmeiras, e que começou na base do Guarani e acabou negociado ainda jovem.

Ele tem 20 anos e joga no meio-campo e na lateral-direita.

O clube ainda tinha 10% de seu atestado liberatório, que foi negociado com seu procurador nos últimos meses, pouco antes dele se firmar como um dos favoritos do técnico Vanderlei Luxemburgo.

Agora, não se sabe como, apareceu na lista da última convocação de Tite para a Seleção Brasileira principal.