Série B: Catalá deixa definição do Guarani para momentos antes da partida

O treinador dificilmente vai poder contar com o meia Lucas Crispim, com uma lesão muscular

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 11 (AFI) - A escalação titular do Guarani para o jogo deste sábado, contra o Brasil de Pelotas, no Brinco de Ouro da Princesa, será conhecida apenas momentos antes da bola rolar, o que está programado para acontecer às 11 horas.

O técnico Ricardo Catalá fez mistério e disse que ainda não definiu quais os jogadores que começarão jogando. No treinamento desta sexta-feira, foram testadas mais de duas formações, mas a base que iniciou na vitória contra o Operário, por 2 a 1, deve ser mantida.

Ricardo Catalá não divulgou a escalação do Guarani (Foto: David Oliveira/Guarani FC)
Ricardo Catalá não divulgou a escalação do Guarani (Foto: David Oliveira/Guarani FC)
Com um problema muscular na coxa, o meia Lucas Crispim deve ser desfalque. O provável substituto é Bruno Sávio, que entrou em seu lugar no intervalo do jogo em Ponta Grossa e deu a assistência para Júnior Todinho marcar um dos dois gols.

"Nós ainda avaliaremos qual será a equipe que sairá jogando. Nós sempre conversamos após os treinamentos, e essa informação será repassada aos jogadores nas horas antecedentes à partida", despistou Ricardo Catalá.

Sem vencer no Brinco de Ouro da Princesa desde março, o Guarani disputou quatro jogos como mandante nesta Série B e somou apenas um ponto.

O provável Guarani para esse jogo é: Rafael Pin, Cristóvam, Walber, Didi e Bidu; Deivid, Eduardo Person, Murilo Rangel e Giovanny; Bruno Sávio e Júnior Todinho.