Após classificação dramática, Carpini analisa atuação do Guarani: 'Sem evolução'

Bugre encara a Internacional de Limeira, no próximo sábado, na semifinal do Troféu do Interior

por Lucas Rossafa

Campinas, SP, 30 (AFI) - O Guarani selou classificação à semifinal do Troféu do Interior de forma dramática.

Em disputa de pênaltis emocionante, Bugre despachou o Ituano por 11 a 10, após empate no tempo regulamentar, e avançou de fase apesar das limitações.

Contente pela vaga, mas insatisfeito com o que viu em Osasco, Thiago Carpini analisou a atuação bugrina.

"A gente não teve evolução contra o Ituano. Não fizemos um bom jogo. Precisávamos ganhar e vencer, que seja de meio a zero, para resgatar a nossa autoestima. É reconquistar a confiança e a autoestima também do torcedor, que nos apoiou. Então não teve muita evolução no aspecto técnico por diversos fatores", opinou o comandante, em coletiva de imprensa.

"Não adianta ficar também encontrando justificativas e culpados. Não fizemos um bom jogo. Agora nós temos um tempinho curto para recuperar fisicamente. Estamos indo para a quarta partida. O ideal para mim é muito próximo do que foi o jogo contra o São Paulo em questão de construção, posse, organização tática e situações que nós criamos para fazer o gol", acrescentou.

E AGORA?

Classificado, o Guarani encara a Internacional de Limeira neste sábado, 1º de agosto, em jogo único, às 11h, na Arena da Fonte Luminosa, em Araraquara.