Agora não! Prorrogação da quarentena em São Paulo afeta planos do Guarani

Antes de determinação de João Dória, Bugre programava retorno das atividades nesta segunda

por Lucas Rossafa

Campinas, SP, 11 (AFI) - A prorrogação da quarentena no estado de São Paulo até o próximo dia 31 de maio, conforme determinação estipulada pelo governador João Dória (PSDB) na última sexta-feira, atrapalhou os planos do Guarani.

Por conta do aumento do período de isolamento social, Conselho de Administração foi obrigado cancelar o reinício dos treinos em Campinas nesta segunda-feira - o planejamento inicial da comissão técnica era o retorno dos atletas à cidade no fim de semana.

Prorrogação da quarentena em São Paulo afeta planos do Guarani - David Oliveira / Guarani FC
Prorrogação da quarentena em São Paulo afeta planos do Guarani

Desta forma, jogadores continuam nas respectivas residências - a maior parte está bem longe do solo campineiro -, mas com monitoramento diário a respeito dos treinamentos em home office.

A expectativa da diretoria é que o elenco tenha a menor perda possível no aspecto físico, apesar do prejuízo já esperado.

Internamente, nos bastidores do Brinco de Ouro da Princesa, ainda não há nenhuma previsão para os trabalhos in loco, sobretudo pelo agravamento da doença no país.

Semanalmente, o plantel tem recebido uma cartilha de atividades, sob monitoramento de Leonardo Fagundes, preparador físico, além de acompanhamento com fisiologistas e nutricionista.