Série B: Sem renovar para 2020, Ferreira se despede do Guarani: 'Tristeza e gratidão'

Zagueiro não faz parte do planejamento da diretoria bugrina para a próxima temporada

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 03 (AFI) - Ferreira não é mais jogador do Guarani. O zagueiro, sem ter contrato renovado para 2020, se despediu do clube em publicação nas redes sociais e agora está livre no mercado para seguir carreira longe do Brinco de Ouro da Princesa.

O acordo com o defensor era válido só até 30 de novembro, data de encerramento da Série B do Campeonato Brasileiro. Embora identificado com o clube, a idade e a irregularidade ao longo da temporada pesaram na decisão.

"Quero agradecer, primeiramente, a Deus por ter me proporcionado tantos momentos distintos dentro desse clube que aprendi a respeitar e amar. Também agradeço ao Guarani por tudo. Um ano que fui aplaudido, vaiado e polêmicas, mas nunca faltou comprometimento e foco pra honrar esse manto sagrado!", escreveu no Instagram.

Ferreira não é mais zagueiro do Guarani - Letícia Martins / Guarani FC
Ferreira não é mais zagueiro do Guarani

"Fica aqui meu carinho, admiração e respeito. Desejo que, em 2020, o nosso Bugrão possa brigar sempre em cima e conquistar seus objetivos! Em meio a tristeza e gratidão!", completou.

HISTÓRIA

Ferreira retornou ao Bugre no segundo semestre de 2018, com status de xerife. Apesar da pouca utilidade na Série B, acertou extensão por mais um ano, o que desagradou boa parte da torcida.

Ao longo de duas passagens pelo Guarani, o atleta de 35 anos participou de 56 partidas e marcou três gols, todos em 2016.

O jogador foi peça importante no acesso da Série C há três anos e titular absoluto ao lado de Leandro Amaro - ele também foi pivô de confusão na derrota para o Boa Esporte, em Varginha, na decisão, por empurrar o árbitro.

Neste ano, Ferreira foi titular em todo primeiro semestre, ao lado de Bruno Lima, Luiz Gustavo, Xandão ou Diego Giaretta - sob comando de Thiago Carpini, entretanto, entrou em campo só duas vezes e perdeu de vez brecha no plantel.