Prestes a completar 80 jogos pelo Guarani, Ricardinho quer primeira vitória em dérbi

Intocável desde 2018, volante tem um empate e duas derrotas diante da Ponte Preta com a camisa bugrina

por Lucas Rossafa

Campinas, SP, 07 (AFI) - Titular absoluto do Guarani desde janeiro de 2018, Ricardinho terá uma marca pessoal a comemorar diante da Ponte Preta, no próximo domingo, 11, às 11h, no Estádio Moisés Lucarelli, em duelo válido pela 15ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro.

O volante, nome certo na misteriosa escalação do técnico Roberto Fonseca, completará o 80º jogo com a camisa bugrina com a intenção de quebrar um jejum particular: o fato de jamais ter vencido o rival alviverde.

Prestes a completar 80 jogos, Ricardinho quer primeira vitória em dérbi pelo Guarani - Letícia Martins - GuaraniPress
Prestes a completar 80 jogos, Ricardinho quer primeira vitória em dérbi pelo Guarani

Em três participações - todas entre os iniciais -, o camisa 7 soma um empate e duas derrotas. No turno da última edição da Série B, o Guarani foi derrotado, de virada, por 3 a 2, no Brinco de Ouro da Princesa, em maio. No fim de agosto, foi ao Moisés Lucarelli e saiu de lá com empate sem gols.

Pelo Campeonato Paulista deste ano, porém, nova vitória da Macaca, desta vez mais contundente, por 3 a 0, em março, culminando na demissão do técnico Osmar Loss.

"Toda análise individual no futebol acaba sendo distorcida. Futebol é coletivo, não se joga sozinho. Então não é uma marca negativa que vou tomar para mim também, mas encaro com motivação, sim. É um jogo diferente para o nosso torcedor. Sem dúvida nenhuma, grande oportunidade de dar alegria para eles", comentou Ricardinho, em entrevista coletiva nesta semana.

Capitão e com grande identificação junto à torcida - muito por conta do gol que garantiu acesso na Série A2 de 2018 -, Ricardinho é nome certo no Dérbi 194. Resta saber quem será seu companheiro na dupla de volantes.

Até o duelo contra a Macaca, o elenco do Guarani terá mais quatro sessões de treinamento. A última acontece na manhã de sábado, no Brinco de Ouro, quando a torcida organizada promete se reunir em frente ao estádio para se despedir do elenco antes da ida à concentração.