Guarani pode repatriar ex-zagueiro do São Paulo para a Série B

Xandão foi contratado pelo Red Bull Brasil no início do ano, mas não teve oportunidades

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 09 (AFI) - A contratação de um zagueiro é uma das prioridades do Guarani para a Série B do Campeonato Brasileiro. Um dos nomes analisados por diretoria e comissão técnica é o de Xandão.

O defensor de 31 anos é um velho conhecido da torcida bugrina, pois foi revelado nas categorias de base do Guarani em 2005. Xandão não deve permanecer no Red Bull Brasil, onde está desde o início do ano e não recebeu nenhuma oportunidade.

Sem ser aproveitado no Red Bull Brasil, o zagueiro Xandão pode voltar ao Guarani
Sem ser aproveitado no Red Bull Brasil, o zagueiro Xandão pode voltar ao Guarani
Revelado no Guarani, Xandão passou ainda por Athletico-PR, Desportivo Brasil, Fluminense e São Paulo antes de passar oito temporadas no exterior, atuando por Sporting-POR, Kuban Krasnodar-RUS, FK Anzhi-RUS, Sporting Gijón-ESP e Cercle Brugge-BEL.

Até o momento, o Bugre anunciou apenas o meia Arthur Rezende, ex-Boavista, para a Série B do Brasileiro.

OUTRA OPÇÃO
Além de Xandão, outro conhecido dos bugrinos está na lista de possíveis reforços. Trata-se de Leandro Amaro, que subiu com o Guarani na Série C de 2016 e defendeu o Mirassol no último Paulistão.

A prioridade da diretoria era Rodrigão, que se destacou no estadual defendendo a Ferroviária. O zagueiro que pertence ao Atlético-MG, porém, foi procurado por um clube que vai disputar a elite do Brasileirão.

Como Thalisson Kelven deve ser devolvido ao Coritiba, o técnico Vinícius Eutrópio tem apenas quatro zagueiros à disposição: Ferreira, Diego Giaretta, Victor Ramon e Pedro Moraes.