Série B: Dérbi expõe deficiências e Guarani busca novo lateral-esquerdo

O clube está no mercado em busca de um novo lateral esquerdo para a sequência do Campeonato Brasileiro

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 11 (AFI) – A derrota para a Ponte Preta por 3 a 2 no dérbi de Campinas demonstrou as deficiências do elenco do Guarani. Marcílio teve responsabilidade direta no resultado e Salomão, o seu reserva imediato, não agrada a diretoria e vem em baixa com a torcida desde a Série A2 do Campeonato Paulista. Por isso o clube está no mercado em busca de um novo lateral esquerdo para a sequência da Série B do Campeonato Brasileiro.

Apesar de ter saído na frente, o Guarani tomou a virada com dois gols de André Luís, ambos nas costas de Marcílio. No primeiro, em contra-ataque rápido, Igor Vinícius arrancou pela esquerda e lançou o atacante da Ponte Preta do outro lado. Ele conseguiu dominar, tirar o marcador da jogada e bater com força. Depois, na segunda vez, Danilo Barcelos cruzou no segundo pau para o camisa sete apenas escorar.

Derrota no dérbi expõe deficiências e Guarani busca lateral-esquerdo
Derrota no dérbi expõe deficiências e Guarani busca lateral-esquerdo
Essa ineficiência de Marcílio na marcação em pleno dérbi incomodou a torcida do Guarani e também acendeu um alerta para a diretoria. Contratado no início da temporada, o lateral de 22 anos disputou 15 jogos na Série A2 e foi campeão paulista, além das quatro primeiras rodadas na Série B. Quando não pode atuar, Salomão entrou em campo, mas o técnico Umberto Louzer já demonstrou que não pretende contar com o jogador.

De acordo com pessoas próximas a diretoria, a necessidade de um lateral-esquerdo era clara desde o início da Série B, mas a urgência aumentou após o dérbi. A ideia é encontrar um jogador para chegar no Brinco de Ouro e já atuar, assumindo a posição de titular. Como só volta a campo no dia 18 de maio, daqui uma semana, o clube pode trabalhar no mercado em busca desse reforço.