Série B: Técnico do Guarani lamenta gol sofrido no final: “Pontos farão falta”

Marcelo Cabo acredita que a aprsentação do Bugre no segundo tempo mereria sorte melhor

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 13 (AFI) – O empate por 2 a 2 diante do Boa Esporte, em Varginha, na última terça-feira, não agradou o técnico Marcelo Cabo, do Guarani. O gol sofrido pelo Bugre aos 44 minutos, que tirou dois pontos do time no Campeonato Brasileiro da Série B, foi muito sentido pelo elenco.

“Dois tempos bem diferentes. Cobramos no intervalo, eles assimilaram. Voltou completamente diferente, competitivo, organizado, com intensidade. E fizemos um grande segundo tempo, que merecíamos a vitória. Esses dois pontos vão fazer falta na sequencia do campeonato”, disse o treinador.

Marcelo Cabo também falou sobre um novo problema que pode ter. O zagueiro Willian Rocha foi substituído ainda no primeiro tempo com dores musculares.

“Vamos ver o que o departamento médico passa para a gente. Ele jogou porque estava bem, treinou forte durante a semana, mas lesão acontece. Espero que seja só um susto”, afirmou.

Com o empate por 2a 2, o Guarani foi aos 33 pontos e segue na décima posição do Campeonato Brasileiro da Série B. O próximo jogo será terça-feira, contra o Paraná, no estádio Brinco de Ouro, em Campinas (SP).