Série B: Após nova derrota, Vadão pede "personalidade" ao grupo do Guarani

Sem vencer há sete jogos, o Bugre se distancia do G4 e começa a se aproximar da zona de rebaixamento

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 12 (AFI) - O Guarani conheceu na última sexta-feira a quarta derrota seguida ao perder para o Brasil de Pelotas, por 1 a 0, no Estádio Bento de Freitas, pela 20ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. De quebra, o Bugre chegou ao sétimo jogo sem vitória e segue em queda livre na tabela de classificação.

A sequência negativa fez o Guarani cair da liderança para o meio da tabela de classificação e ligou o sinal de alerta no Brinco de Ouro da Princesa. A diferença para a zona de rebaixamento é de cinco pontos e no próximo sábado o Bugre tem um confronto direto contra o Santa Cruz, em Campinas.

O técnico Vadão disse que a responsabilidade pelo momento ruim do Guarani é de todo mundo
O técnico Vadão disse que a responsabilidade pelo momento ruim do Guarani é de todo mundo

"Temos que ter mais força e personalidade para superar esse momento ruim. Nós somos responsáveis por isso. Quando a equipe vivia um momento bom, era mérito de todos. Agora, todo mundo está no mesmo barco. Contra o Santa Cruz só existe um resultado: a vitória", afirmou o técnico Vadão.

O adversário alviverde na próxima rodada tem 23 pontos - cinco a menos que o Guarani - e também vive um momento delicado. Assim como o Bugre, o Santa Cruz vem de quatro derrotas seguidas e é atrapalhando pelo extra-campo, já que os jogadores estão com salários atrasados.

Apesar dos jogadores ainda falarem em acesso, o principal objetivo do Guarani na Série B virou escapar do rebaixamento para a Série C do Brasileiro, onde estava até ano passado.