Din-din! Guarani deverá lucrar com venda de zagueiro do Inter

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 1 (AFI) - Um dinheiro inesperado deverá pintar nos cofres do Guarani com a venda do zagueiro Danilo Silva, negociado nesta semana por 4 milhões de euros pelo Internacional com o Dynamo Kiev. O jogador, que tinha 50% dos direitos federativos pertencentes à Traffic e os outros 50% ao clube gaúcho, já está na Ucrânia, onde assinou um contrato de cinco anos com seu novo time.

Veja também:
Bugre Inesquecível: Concorra a camisa do Guarani campeão

Como defendeu o Guarani entre 2006 e 2008 (com uma breve passagem pelo São Paulo), Danilo Silva, hoje com 23 anos, vai render mais alguns milhares de euros para o Bugre, garante o advogado João Henrique Chiminazzo, especialista em direito desportivo.

“Existe uma regra da Fifa, conhecida como Mecanismo de Solidariedade, que determina que o clube que manteve o jogador entre os 12 e 23, tem direito a receber uma parte em futuras negociações deste atleta”, afirma Chiminazzo.

Esse valor equivale a 0,5% do total a cada ano que o jogador defendeu o clube. Como Danilo passou três anos no Brinco de Ouro da Princesa, o Guarani tem direito a receber 1,5% dos 4 milhões de euros, o que equivale a aproximadamente 60 mil euros (aproximadamente R$ 173 mil).

“O Guarani, agora, precisa buscar seus direitos para receber sua porcentagem do negócio e acionar a Fifa, se for o caso, para que o Dynamo Kiev seja notificado”, finaliza João Henrique Chiminazzo.