Após surto de Covid, Conmebol adia e transfere jogo do Grêmio na Libertadores

Renato Gaúcho e dois jogadores do elenco testaram positivo para a Covid antes do confronto

por Agência Futebol Interior

Porto Alegre, RS, 06 (AFI) – Preocupada com os casos de Covid-19 no elenco do Grêmio, a Conmebol anunciou nesta quarta-feira o adiamento da partida entre Independente Del Valle e Grêmio, antes marcado para esta quarta-feira, no Equador, pela terceira fase da Copa Libertadores 2021.

Na segunda-feira o Grêmio anunciou que o técnico Renato Gaúcho havia testado positivo e nesta terça-feira os jogadores Vanderson e Paulo Victor também positivaram, só que já com a delegação em território equatoriano.

Renato Gaúcho testou positivo para a covid na segunda-feira
Renato Gaúcho testou positivo para a covid na segunda-feira

Com os casos positivos, a entidade achou melhor transferir o confronto para a próxima sexta-feira, só que não mais no Equador, mas no Defensores Del Chaco, em Assunção, capital do Paraguai.

A delegação do Grêmio está no Equador e ainda não definiu a data do embarque ao Paraguai.

CLUBE CONFIRMA
O clube confirmou em suas redes sociais o adiamento do confronto.

"O Grêmio informa que a Conmebol reagendou a partida desta quarta-feira, contra o Independientre del Valle, para a próxima sexta-feira, 09 de abril, em Assunção, no Paraguai, às 19h15 de Brasília (18h15 local). A delegação viaja de Quito para Assunção, em horário e data ainda a serem divulgados."

A princípio o confronto de volta entre os times segue agendado para o dia 14 de abril, às 19h15, na Arena, em Porto Alegre.

LÉO CHÚ LAMENTA AUSÊNCIA DO TÉCNICO RENATO GAÚCHO