Grêmio se despede do Brasileirão em Goiânia sem titulares e Renato Gaúcho

Com um time repleto de garotos, nem mesmo o técnico gremista estará presente ao Serra Dourada contra o Goiás

por Agência Estado

Porto Alegre, RS, 08 (AFI) - Com a classificação para a fase de grupos da próxima edição da Copa Libertadores já garantida, o Grêmio decidiu tratar o jogo contra o Goiás, no domingo, às 16 horas, fora de casa, como um mero amistoso. Os principais jogadores do elenco já estão em férias e nem mesmo o técnico Renato Gaúcho estará no Serra Dourada para o duelo com os goianos, válido pela última rodada do Campeonato Brasileiro.

Quarto colocado do Nacional, o Grêmio corre o risco de ser superado pelo Athletico-PR, que tem dois pontos a menos (65 a 63). Essa disputa vale R$ 1,6 milhão - diferença entre o prêmio pago ao quarto (R$ 28 milhões) e o que recebe o quinto (R$ 26,4 milhões) -, mas o clube gaúcho não parece muito preocupado com isso. A partida no Serra Dourada será usada para dar experiência a garotos da base.

Auxiliar de Renato, Victor Hugo Signorelli será o comandante da equipe contra o Goiás. Ele vai mandar a campo promessas como o lateral-direito Felipe, o volante Frizzo e o meia Isaque, jogador que será escalado no ataque. São atletas pouco (ou nada) utilizados ao longo da temporada por Renato, outro que entrou em férias antes do fim do Brasileirão e já está no Rio.

O principal destaque do Grêmio neste domingo será o atacante Pepê, uma das revelações do clube em 2019. O jogador ganhou bastante espaço na equipe neste ano e vem de uma ótima atuação na vitória por 2 a 0 sobre Cruzeiro, na quinta-feira - ele marcou o segundo gol, em cobrança de um pênalti sofrido por ele mesmo.

O lateral-esquerdo Juninho Capixaba, reserva de Cortez, será o jogador mais experiente do time gremista na rodada final do Brasileirão. Caberá a ele liderar a garotada na busca pela 20.ª vitória na competição de um time que cresceu muito depois da eliminação na Libertadores, na semifinal, diante do Flamengo.

O meia Jean Pyerre, há bastante tempo afastado da equipe por causa de uma lesão muscular, está recuperado e voltou a treinar com bola nesta sexta-feira, mas a comissão técnica decidiu que seria arriscado colocá-lo em campo contra o Goiás.