Everton garante Grêmio sem traumas no reencontro com o Athletico-PR

"Na última vez em que estivemos aqui tivemos um mau resultado, mas agora é uma situação muito diferente", disse

por Agência Estado

Foto: Lucas Uebel/Grêmio.
Foto: Lucas Uebel/Grêmio.

Porto Alegre, RS, 26 - O Grêmio está praticamente garantido na fase de grupos da próxima edição da Copa Libertadores, mas nem por isso vai tratar com desdém os quatro jogos que lhe restam no Campeonato Brasileiro. A começar pelo mais complicado deles, nesta quarta-feira, em Curitiba, contra o Athletico-PR.

O jogo diante dos paranaenses provoca uma lembrança ruim para os gremistas, a da eliminação na semifinal da Copa do Brasil, mas o atacante Everton, maior destaque do time gaúcho, afirma que aquela derrota na Arena da Baixada não terá qualquer influência no duelo desta quarta.

"Na última vez em que estivemos aqui tivemos um mau resultado, mas agora é uma situação muito diferente. É sempre muito difícil jogar aqui, o Athletico vem da conquista do título da Copa do Brasil e está jogando o Brasileiro mais leve. Normalmente, nesses casos, o time acaba relaxando, mas isso não aconteceu com eles", disse.

ADVERSÁRIO FORTE
Everton destacou o fato de o Athletico estar há nove rodadas sem perder e há cinco jogos sem levar um único gol. Esse detalhe, segundo ele, fará a partida ser especialmente difícil para os atacantes do Grêmio.

"A defesa do Athletico é muito sólida, isso foi provado ao longo do ano. O nosso ataque terá de estar muito concentrado para superar essa barreira."

Nesta terça-feira, o Grêmio fez na Arena da Baixada o último treino antes da partida contra os paranaenses.

O time que jogará nesta quarta deverá ser o mesmo que derrotou o Palmeiras no domingo, em São Paulo, com uma exceção: o lateral-direito Galhardo entrará na vaga de Léo Moura.

PROVÁVEL TIME
Assim, a provável equipe do Grêmio para enfrentar o Athletico-PR é a seguinte:

Paulo Victor; Galhardo, Pedro Geromel, Kannemann e Cortez; Maicon, Matheus Henrique e Alisson; Luciano, Diego Tardelli e Everton.