Libertadores: Meia sofre lesão e é dúvida no Grêmio contra o Flamengo

A alegria pela convocação de Matheus Henrique e Everton para a seleção brasileira foi ofuscada pela contusão do atacante

por Agência Estado

Porto Alegre, RS, 20 - A manhã desta sexta-feira foi de sentimentos diferentes no CT Luiz Carvalho, em Porto Alegre, onde o time do Grêmio realizou o último treinamento antes do jogo deste sábado contra o Santos, às 21 horas, no estádio da Vila Belmiro, em Santos, pela 20.ª rodada, a primeira do returno do Campeonato Brasileiro.

LESÃO

A alegria pela convocação de Matheus Henrique e Everton para a seleção brasileira foi ofuscada pela contusão do meia Jean Pyerre, que deverá tirá-lo do primeiro confronto contra o Flamengo, no dia 2 de outubro, pelas semifinais da Copa Libertadores.

O meia de 21 anos sofreu uma lesão muscular na coxa direita durante o "rachão", quando tentou um chute e não conseguiu mais colocar o pé no chão.

Foi retirado de maca do campo e carregado por dois funcionários do clube para subir uma escada e chegar até o vestiário.

(Foto: Lucas Uebel/Grêmio)
(Foto: Lucas Uebel/Grêmio)

PROBLEMA DETECTADO

Em um primeiro momento, houve a suspeita de que o problema poderia ser no tornozelo ou joelho.

Mas o atleta foi submetido a um exame no início da tarde, que constatou o problema no músculo.

DESFALQUES

Jean Pyerre pode ser o terceiro desfalque do técnico Renato Gaúcho para o primeiro jogo das semifinais da Libertadores.

O lateral-direito Leonardo, com uma lesão no joelho direito, só volta aos gramados em 2020, enquanto que o zagueiro Pedro Geromel faz tratamento intensivo também por causa de uma contusão muscular na coxa direita.

RETORNOS

Para o jogo contra o Santos, pelo Brasileirão, Renato Gaúcho deverá contar com o zagueiro argentino Kannemann e o volante Maicon, recuperados de contusão. Os dois treinaram normalmente durante a semana.

BRIGA POR VAGA

O Grêmio é o oitavo colocado, com 28 pontos, e uma vitória fora de casa pode colocar a equipe gaúcha na briga por uma vaga na Copa Libertadores do ano que vem.

O time vem de dois bons resultados com sua escalação titular. Vitória por 4 a 1 sobre o Cruzeiro, em Belo Horizonte, e triunfo por 3 a 0 diante do Goiás, em casa.