Grêmio recebe Católica e joga por um empate para ir às oitavas da Libertadores

O time gaúcho soma sete pontos e está na segunda colocação do Grupo H

por Agência Estado

Porto Alegre, RS, 08 - O Grêmio tenta esquecer o início ruim no Campeonato Brasileiro, em que ainda não venceu, e busca se concentrar para avançar às oitavas de final da Copa Libertadores. Nesta quarta-feira, o time gaúcho recebe a Universidad Católica, do Chile, às 21h30, em Porto Alegre, e precisa de um empate para carimbar sua passagem à próxima fase.

Depois de um começo muito ruim na competição - empatou na estreia e perdeu os dois jogos seguintes, um deles para a Universidad Católica, no Chile - o Grêmio ressurgiu ao conquistar dois triunfos consecutivos. Assim, chega na ultima rodada podendo empatar para se classificar ao mata-mata.

O time gaúcho soma sete pontos e está na segunda colocação do Grupo H. Se confirmar sua vaga nas oitavas, passará como segundo colocado, já que o Libertad tem 12 pontos e garantiu a primeira colocação antecipadamente.

"Espero que a gente repita o que fizemos na fase de grupos da Libertadores no Brasileiro. Falaram que a gente estava fora, que não íamos classificar e vamos no último jogo com um empate e uma vitória. Espero que aconteça a mesma coisa, que a gente comece mal e dê a volta por cima", disse o zagueiro Pedro Geromel, que retorna ao time titular.

VOLTANDO

Mal no Brasileirão, o time gaúcho terá o retorno dos jogadores de defesa que foram poupados do duelo com o Fluminense, em que o Grêmio sofreu uma virada incrível e foi derrotado por 5 a 4. Voltam, além de Geromel, o goleiro Paulo Victor e o lateral-direito Leonardo. No meio, Renato Gaúcho não terá o jovem Matheus Henrique, suspenso pelo acúmulo de cartões. Michel será o substituto.

Grêmio recebe Católica e joga por um empate para ir às oitavas da Libertadores
Grêmio recebe Católica e joga por um empate para ir às oitavas da Libertadores
A grande indefinição está no ataque, mais precisamente na ponta direita. Sem Diego Tardelli, machucado, Renato pode usar Alisson, Thaciano ou Montoya. O primeiro tem sido titular nas últimas partidas, mas ainda não é certo que continuará entre os 11 iniciais.

PRESSIONADA

A Universidad Católica não tem outra opção a não ser vencer o Grêmio se quiser avançar de fase. O time chileno tem os mesmos sete pontos da equipe gaúcha, mas possui saldo de gols inferior. "Vamos ter que estar muito atentos e concentrados na defesa. Quando tivermos uma chance na frente, temos que concretizá-la. Temos que ser efetivos", disse o lateral Stefano Magnasco.

O técnico Gustavo Quinteros tem apenas uma dúvida para o duelo: a presença do centroavante Saéz, que voltou a ser relacionado depois de desfalcar a equipe em quatro partidas em razão de uma lesão muscular na coxa. A tendência é de que comece entre os reservas e o colombiano Duvier Riascos, ex-Vasco, seja titular.