GAÚCHO: Grêmio vence São Luiz e vai decidir o título contra o Internacional em casa

Tricolor tem a melhor campanha - 39 a 34 pontos - e vai ter como vantagem fazer segundo jogo na Arena Grêmio

por Agência Futebol Interior

Porto Alegre, RS, 7 (AFI) - O Grêmio confirmou a sua presença na final do Campeonato Gaúcho ao vencer o São Luiz, de Ijuí, por 3 a 0, nesta tarde, na Arena Grêmio, em Porto Alegre. No jogo de ida, no Estádio 19 de Outubro, houve empate sem gols. O título vai ser decidido contra o rival Internacional, o que não acontece desde 2015.

COBERTURA COMPLETA

O Portal FUTEBOL INTERIOR acompanha todos os Campeonatos Estaduais do Brasil online pelo PLACAR AO VIVO e também depois com comentários e destaques da rodada.

Baixe também o Aplicativo - App Placar FI - tanto pelo Google Play como APP Store.

VEJA TODOS OS DETALHES DOS ESTADUAIS!

DOIS GRE-NAIS

O regulamento prevê dois jogos, com o Grêmio, dono da melhor campanha (39 a 34 pontos), tendo a vantagem de disputar o segundo jogo em sua casa.

O Tricolor está invicto, com 12 vitórias e três empates. O seu ataque marcou 38 gols e sua defesa sofreu apenas um.

A Federação Gaúcha deve confirmar estes jogos para dia 14 (domingo), no estádio Beira-Rio, e no dia 17 (quarta-feira) na Arena Grêmio.

Este vai ser o 38.º Gre-Nal decidindo o Estadual.

POUCOS GRE-NAIS NO SÉCULO
Neste século, com domínio dos clubes do Interior, o título gaúcho foi decidido apenas cinco vezes em Grenais de um total de 19 disputados. O Grêmio levou vantagem apenas em 2006 e 2010. O Colorado em 2011, 2014 e 2015.

Ano passado, o Tricolor sagrou-se campeão em cima do Brasil de Pelotas. No ranking geral, o Inter levou a taça 45 vezes contra 37 do Grêmio.

Grêmio vence, é finalista e deixa gramado aliviado
Grêmio vence, é finalista e deixa gramado aliviado

TRICOLOR NO ATAQUE
Como era esperado, o Grêmio começou no ataque, em busca do gol. Para abrir o placar, usou a malícia. Cobrou uma falta na intermediária com rapidez, com Everton ligando Matheus Henrique pelo lado esquerdo da área.

Ele fez o levantamento para o outro lado, André ajeitou de cabeça e Alisson entrou em velocidade na pequena área para completar de carrinho aos 24 minutos.

GRANDE DEFESA
Quem fez um gol sem mexer no placar foi o goleiro Paulo Victor, que salvou o Grêmio aos 34 minutos.

Após toque de Mikael, houve o desvio à queima roupa de Thiago Alagoano e o goleiro defendeu, fechando o ângulo. Uma grande defesa. Era um alerta de que seria necessário ampliar o placar.

O esperado segundo gol, para aliviar a torcida, saiu aos 37 minutos. Matheus Henrique outra vez iniciou a jogada e achou André na grande área. O atacante, com habilidade, fez o drible de corpo num marcador e bate cruzado, sem chances de defesa para o goleiro Carlão.

TUDO OU NADA
No segundo tempo, sem alternativa, o visitante tentou ir ao ataque. Teve um gol anulado aos 11 minutos, quando Leilson andou para as redes com os dois braços, num lance bem rápido.

O castigo veio dois minutos depois. Jean Pyerre ligou Éverton, que cortou o marcador e chutou cruzado no ângulo, aos 13 minutos.

TIROU O PÉ
Com o placar definido, o Grêmio tirou o pé, inclusive, com Renato Gaúcho promovendo logo duas alterações. Tirou Alisson e Maicon para as entradas, respectivamente, de Marinho e Romulo. E, depois, poupou André para a entrada de Felipe Vizeu.

O São Luiz também ‘sentiu o drama’ e passou a tocar a bola lateralmente. Terminou em quarto lugar, atrás do Caxias, eliminado pelo Internacional, porém, com maior pontuação.

Confira os resultados da 2ª rodada
Internacional
2
x
0
Caxias-RS
Grêmio
3
x
0
São Luiz