Grêmio 2 x 3 Coritiba - Tricolor passa vexame na Arena

Mesmo com a vitória, o Coxa segue na zona de rebaixamento do Brasileirão

por Agência Futebol Interior

Porto Alegre, RS, 27 (AFI) - Na noite deste domingo, jogando na Arena, em porto Alegre, o Grêmio foi surpreendido pelo Coritiba e acabou superado pelo placar de 3 a 2, em um jogo repleto de alternativas pela 12ª rodada do Brasileirão.

Com o resultado, o Grêmio caiu para a décima posição, com 19 pontos, se afastando dos líderes. Já o Coritiba segue na zona de rebaixamento, na 17ª posição, com dez pontos. A derrota para um time da zona de degola gerou ira na torcida do Grêmio, que pediu a demissão de Enderson Moreira e foi atendida.

O JOGO

A primeira oportunidade criada pelo Grêmio na partida foi aos seis minutos, com um escanteio pela esquerda: Luan cobrou no primeiro pau. Riveros se antecipou à zaga e desviou de cabeça. Vanderlei defendeu no susto evitando o primeiro gol gremista.

No lance seguinte, Pará deu para Luan, na direita, no fundo de campo. Luan fez o cruzamento perfeito, no segundo pau. Fernandinho subiu mais que todo mundo e meteu de cabeça. Para sorte do Coxa, a zaga afastou o perigo na pequena área.

Parecia um começo promissor do Tricolor, mas, aos poucos, o Coxa foi igualando as ações e criou várias boas oportunidades na sequência.

Os paranaenses responderam aosnove minutos. Robinho ajeitou para Germano, na entrada da área, pela direita. O chute saiu rasteiro, forte, cruzado, rente ao poste direito de Marcelo Grohe, que não conseguiu chegar. Perigo.

Aos 23 minutos, após contra-ataque pela direita, a bola cruzou na frente da área gremista e chegou do outro lado, para Alex. Ele pegou de primeira e acertou o travessão de Marcelo Grohe. Que perigo!

ENFIM, OS GOLS
O Coritiba abriu o marcador. Zé Love foi lançado entrando na área, pela direita. Ele chegou na bola, driblou Marcelo Grohe e mandou para as redes.

A resposta do Grêmio não demorou a chegar e veio na hora certa. Aos 11 minutos, Fernandinho fez grande jogada no fundo de campo, pela esquerda. Ele passou pelo marcador, avançou com a bola dominada e deu o passe para Barcos, dentro da área. O Pirata dominou, cortou o marcador e soltou uma bomba, no ângulo direito de Vanderlei.

Três minutos depois, no grito do torcedor, o Grêmio chegou ao gol da virada: Luan começou a jogada na intermediária. Ele recebeu e fez o lançamento perfeito, encontrando Barcos livre, entrando atrás da zaga. O Pirata teve tranquilidade para tirar o goleiro Vanderlei da jogada e mandar a bola para o fundo das redes.

Dentro de campo, o Tricolor conseguiu reverter um ambiente que era totalmente contrário. Porém, futebol é realmente uma caixinha de surpresas, como diz o ditado. Quando tudo indicava que o Grêmio encaminharia a vitória, o Coritiba achou seu segundo gol. Aos 27 minutos, Alex cobrou falta da esquerda, com muita qualidade. Zé Love veio de trás e empurrou para o fundo das redes de Marcelo Grohe.

A pressão gremista no final não surtiu efeito, mas o que veio nos descontos, não estava nos planos de ninguém: aos 48 minutos, exatamente na última jogada, Alex foi lançado nas costas da zaga, na marca de pênalti. Ele dominou e chutou na saída de Marcelo Grohe.
Coritiba 3 a 2.

FICHA TÉCNICA

GRÊMIO x CORITIBA

GRÊMIO
Marcelo Grohe, Pará, Rhodolfo, Pedro Geromel, Saimon (Matías Rodrigues), Ramiro (Rodriguinho), Fernandinho (Deretti), Riveros, Luan, Giuliano e Barcos.
Técnico: Enderson Moreira.

CORITIBA
Vanderlei, Norberto, Luccas Claro, Welinton, Dener , Baraka, Germano, Dudu (Keirrison), Robinho (Elber), Alex e Zé Love (Helder)
Técnico: Celso Roth.

GOLS: Zé Eduardo, aos três e aos 22 minutos, Barcos, aos 11 e aos 19 minutos e Alex, aos 49 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS: Lucas Claro e Norberto (Coritiba); Matías (Grêmio)

LOCAL: Arena do Grêmio