BOMBA! Grêmio demite treinador depois de um mês e deve anunciar ex-Inter

O treinador comandou o Imortal em seis partidas, conquistando apenas uma vitória

por Agência Futebol Interior

Porto Alegre, RS, 04 (AFI) - O empate do Grêmio com o Atlético-MG, por 2 a 2, nesta quarta-feira, em pleno Olímpico, não foi bem aceito pela diretoria, que acertou na manhã desta quinta-feira a demissão de Julinho Camargo (foto). A confirmação oficial deve acontecer nas próximas horas, mas o clube já trabalha em busca de um substituto e deve anunciar o experiente Celso Roth.

A definição sobre a saída do treinador aconteceu na madrugada desta quinta-feira, quando dirigentes se reuniram na casa do presidente Paulo Odone para definirem o futuro do clube. Além de Julinho Camargo, a diretoria também deve anunciar a dispensa de toda comissão técnica.

"Desde o primeiro dia que estou aqui meu emprego está ameaçado. Lido com isso numa boa porque é intrínseco à minha profissão. Mas nunca vou dar passo para trás. Sei o que está acontecendo, o que estamos passando, o caminho é melhorar o aspecto individual e coletivo da equipe. Nunca tive medo de enfrentamentos", comentou Julinho Camargo após a partida desta quarta-feira.

Julinho Camargo assumiu o comando do Imortal no dia 2 de julho e chegou mais como uma aposta da diretoria, mas que não deu certo. O treinador ficou frente ao time em apenas seis partidas, conquistando uma vitória (Coritiba), três empates (Figueirense, América-MG e Atlético-MG) e duas derrotas (Cruzeiro e Flamengo), tendo um aproveitamento de 33,3%.

O Grêmio começou o Brasileirão com o ídolo Renato Gaúcho no comando, mas não conseguiu bons resultados nas primeiras rodadas, resultado na queda do treinador. O presidente Paulo Odone também teria ficado irritado com as declarações do comandante, que pedia toda a hora a chegada de reforços. Para o seu lugar, a diretoria contratou Julinho Camargo, que foi auxiliar-técnico de Falcão no Internacional.

Novo treinador?
Mas a diretoria do Grêmio não deve perder tempo e junto com a demissão de Julinho Camargo pode confirmar oficialmente a contratação de Celso Roth para a sequência da temporada. O treinador, que sempre é chamado pelos times gaúchos na hora do desesperto, é o nome mais que mais agrada no clube gaúcho e sua contratação é quase certa.

Aos 53 anos, Celso Roth está sem clube desde que deixou o Internacional no início desta temporada, sendo substituído por Falcão. Essa seria a quarta vez que o treinador assumiria o comando do Grêmio, onde disputou 78 partidas, conquistando 45 vitórias, 17 empates e 16 derrotas. Em 99, ele conquistou o Campeonato Gaúcho e a extinta Copa Sul.

Além do Imortal, Celso Roth comandou também outros clubes do futebol brasileiro, como Internacional, Vitória, Sport, Palmeiras, Santos, Atlético-MG, Goiás, Flamengo, Botafogo e Vasco. E foi justamente no Colorado, maior rival do Grêmio, que ele conquistou o título mais importante: campeão da Libertadores de 2010.

 
 
" />