Paulista A3: Após saída de Celso Teixeira, Grêmio Barueri confirma retorno de Toninho Cobra

Apesar da crise financeira da Abelha, o treinador chega falando em classificação

por Agência Futebol Interior

Barueri, SP, 19 (AFI) - O Grêmio Barueri confirmou na noite desta quinta-feira o seu novo treinador para a sequência do Campeonato Paulista da Série A3. Trata-se de Toninho Cobra, técnico rodado no interior do Estado, onde já passou por times tradicionais como XV de Jaú, União São João de Araras e Taquaritinga. Ele volta ao clube, após 11 anos, com o objetivo de conquistar o acesso.

Toninho Cobra é o novo técnico do Grêmio Barueri
Toninho Cobra é o novo técnico do Grêmio Barueri
Em crise financeira e devendo salários à alguns jogadores, o Grêmio Barueri esteve reunido com o até então técnico Celso Teixeira e ficou definido que o treinador deixaria o clube, alegando más condições de trabalho, o que fez a Abelha correr atrás de um novo nome e acertar com Toninho Cobra. Existia uma possibilidade de Evandro Forte voltar, o que acabou não acontecendo.

"Tive três passagens pelo Grêmio Barueri e isso pesou para o meu retorno. Chego motivado e com a intenção de conquistar a classificação. A situação não é fácil, mas ainda temos sete rodadas pela frente e vamos em busca dos nosso objetivos. Sei que o clube vive um momento conturbado, mas vamos procurar o presidente, a diretoria do clube, para que acertem os salários o mais rápido possível, até para motivar nossos jogadores", afirmou Toninho Costa, em entrevista ao Portal Futebol Interior.

Após iniciar a carreira de treinador no comando do Sertãozinho, Toninho Cobra passou por clubes como José Bonifácio, Batatais, Santacruzense, Monte Azul, Linense, Taubaté, Feerroviária, até retornar ao Grêmio Barueri. Na sua ficha, tem mais de seis acessos, sendo dois, inclusive, pelo Grêmio Barueri. Em 2002, levou a Abelha da B3 para a B2, enquanto que em 2003 foi da B2 para a B1.

MAIS DO BARUERI!
Os salários atrasados e a falta de comida em Barueri começaram depois de uma briga do investidor Jardel e do presidente ‘aventureiro’ Alberto Ferrada, da K2 Academia. Alberto teria aprontado nos bastidores e não satisfez Jardel, que simplesmente comunicou a todos de que não colocaria mais dinheiro no clube. Desde então ninguém aparece para solucionar o problema.

O Barueri é o 15.º colocado da A3, com 14 pontos ganhos. Um ponto a mais que o Tupã, primeiro na zona de rebaixamento.

 
 
" />