Goiás encara o Internacional no "jogo da vida" do técnico Thiago Larghi

A diretoria esmeraldina deve mudar mais uma vez a comissão técnica em caso de tropeço em casa

por Agência Futebol Interior

Goiânia, GO, 12 (AFI) - Apesar de ter sido contratado há 20 dias, Thiago Larghi já balança no comando do Goiás. E o jogo que vai definir o futuro do treinador é simplesmente contra o líder Internacional, neste domingo, às 18 horas, na Serrinha, pela décima rodada do Brasileirão.

Substituto de Ney Franco, Larghi comandou o Goiás em três jogos do Brasileirão - perdeu para Corinthians, Sport e empatou com o Coritiba - e na derrota para o Vasco da Gama, que culminou com a eliminação na Copa do Brasil.

Thiago Larghi corre risco no Goiás (Foto: Rosiron Rodrigues/Goiás)
Thiago Larghi corre risco no Goiás (Foto: Rosiron Rodrigues/Goiás)
Os resultados negativos, aliados ao desempenho ruim, fizeram o presidente Marcelo Almeida pensar em nova troca na comissão técnica em caso de um tropeço neste domingo. Ainda mais que o Goiás vai folgar na próxima rodada pois o jogo contra o Flamengo foi adiado.

NÃO VAI REPETIR
Após o empate com o Coritiba, por 3 a 3, na última quarta-feira, que manteve o time na lanterna com apenas cinco ponto, apesar de ter dois jogos a menos, Thiago Larghi havia deixado claro que o ideal seria conseguir repetir a escalação.

"É preciso repetir esse time para dar condição de jogo, ter um time competitivo e vencer as partidas que a gente tanto espera. O grupo e a comissão técnica estão trabalhando no dia a dia para sairmos o mais rápido possível dessa situação que tanto nos incomoda", afirmou o treinador.

Mas isso não será possível. O zagueiro Rafael Vaz foi expulso contra o Coritiba, enquanto o atacante Victor Andrade recebeu o terceiro cartão amarelo. Desses, apenas o defensor vinha sendo titular e Fábio Sanches deve ser o substituto.

GOIÁS - Tadeu; Edilson, David Duarte, Fábio Sanches e Jefferson; Gilberto Júnior, Breno e Daniel Bessa; Vinícius, Rafael Moura e Mike. Técnico: Thiago Larghi.