Ídolo do Coritiba, Wilson pode reforçar o Goiás na próxima temporada

Jogador tem contrato com o Coxa até 2020, mas alto salário é visto como impasse pela diretoria

por Agência Futebol Interior

Curitiba, PR, 05 (AFI) - Apesar de ter contrato com o Coritiba até 2020, o goleiro Wilson não tem permanência garantida no Couto Pereira, já que o presidente Samir Namur considera o salário do ídolo muito alto para a atual condição financeira do clube. Diante deste cenário, os candidatos para contratar o jogador de 34 anos já começaram a aparecer, e um deles é o Goiás.

Sem planos de renovar com Tiago Cardoso, o clube esmeraldino conta com quatro goleiros no atual elenco(Marcos, Marcelo Rangel, Mathues e Paulo Henrique. Ainda assim, a diretoria considera necessária a contratação de um nome para a posição. Em entrevista ao repórter Thiago Rabelo, da Rádio Sagres 730, o vice-presidente do Goiás, Mauro Machado, confirmou o interesse em Wilson.

Foto: Divulgação / Coritiba
Foto: Divulgação / Coritiba
"Existe a necessidade de contratação. O Rangel demora um pouco para voltar a atuar normalmente. O Wilson sempre foi um goleiro que nós vimos com bons olhos, tem muito tempo que pensamos nesse atleta aqui no Goiás e evidentemente é um atleta que queremos conversar", afirmou o dirigente.

O goleiro chegou a ser sondado também pelo Avaí, que recuou e não chegou a formalizar uma proposta. O presidente avaiano, Francisco Battistotti, declarou que existe um receio em relação à condição física do jogador, que sofreu uma lesão no ligamento cruzado posterior do joelho e por isso não joga desde outubro.

 
 
" />