Série B: Com muitas baixas, Goiás define time em treino fechado

O técnico Ney Franco não vai poder contar com seis jogadores diante da Ponte Preta

por Agência Futebol Interior

Goiânia, GO, 04 (AFI) - Após conseguir a primeira vitória no Campeonato Brasileiro da Série B no último sábado ao bater o rival Atlético-GO, por 3 a 1, no Olímpico Pedro Ludovico, o Goiás volta a campo nesta terça-feira, contra a Ponte Preta, no Estádio Moisés Lucarelli, pela nona rodada, em um confronto direto contra o rebaixamento.

O Verdão segue no Z4 apesar da vitória no clássico, aparecendo a 18ª colocação, com cinco pontos, três a menos que a Ponte Preta, adversária desta terça e primeiro time fora da degola.

O Goiás realizou o último treinamento antes de embarcar para Campinas nesta segunda-feira
O Goiás realizou o último treinamento antes de embarcar para Campinas nesta segunda-feira
O técnico Ney Franco já definiu qual será a escalação inicial do Goiás, mas apostou no mistério e fechou o treinamento desta segunda-feira. A única certeza é que terá mudanças. O goleiro Marcelo Rangel sequer foi relacionado após passar mal ainda no primeiro tempo do jogo contra o Atlético. Marcos está confirmado.

Já o zagueiro David Duarte e o lateral-direito Alex Silva receberam o terceiro cartão amarelo e cumprem suspensão automática. O lateral Caíque Sá, o zagueiro Raphael Silva, o meia Rafinha e o atacante Júnior Viçosa continuam vetados pelo departamento médico. A novidade é que o recém-contratado Victor Ramos está regularizado e foi relacionado.

"A gente espera entrarmos de vez na Série B. Precisamos dar uma arrancada, ter uma sequência de jogos somando pontos e na terça-feira já temos pela frente mais um adversário difícil que é a Ponte Preta", destacou Ney Franco.

O provável Goiás é: Marcos; André Krobel, Eduardo Brock, Edcarlos e Ernandes; Gilberto Júnior, Léo Sena e Felipe Gedoz; Carlos Eduardo, Lucão e Maranhão.