Série B: Ainda com Criciúma no comando, Goiás negocia com treinador de ponta

Além dele, Paulo Autuori também estaria na mira do clube esmeraldino para assumir como coordenador de futebol

por Agência Futebol Interior

Goiânia, GO, 16 (AFI) - Em busca de um nome forte para substituir Sílvio Criciúma, que vem sendo bastante cobrado no comando técnico do time a algumas rodadas devido a campanha irregular no Campeonato Brasileiro da Série B, o Goiás está de olho no mercado em busca de um novo técnico. Segundo informação noticiada pela Rádio 730 de Goiânia, na manhã desse domingo, a diretoria Esmeraldino está negociando com Eduardo Baptista, que foi demitido do Atlético-PR, na última segunda-feira.

Além dele, Paulo Autuori também estaria na mira do clube esmeraldino para assumir como coordenador de futebol, assim como acontecia no Furacão. Juntos, foram apenas 13 jogos no time paranaense, com um aproveitamento de 46,1%. Baptista chegou ao Furacão no mês de maio, após começar a temporada no Palmeiras, onde chegou apenas a semifinal no Campeonato Paulista. Em seguida, substituiu o próprio Autuori no Atlético-PR, que foi exercer uma nova função no clube.

Eduardo Baptista esteve no comando do Atlético-PR até a última segunda-feira (Foto: Fabio Wosniak/Site Oficial Atlético-PR)
Eduardo Baptista esteve no comando do Atlético-PR até a última segunda-feira (Foto: Fabio Wosniak/Site Oficial Atlético-PR)

Eduardo Batista, tem 47 anos e é natural de Campinas. Ele é filho de Nelsinho Baptista - renomado treinador que está no futebol japonês. Antes de de dirigir o Atlético Paranaense e Palmeiras, Eduardo teve passagens por Fluminense, Sport e Ponte Preta. Nos dois últimos, foi onde o jovem treinador deve mais sucesso.

SITUAÇÃO NA TABELA
Vindo de duas derrotas seguidas, o Goiás ocupa apenas a 12ª colocação na Série B, com 17 pontos ganhos em 14 jogos. Até por conta disso, a diretoria do clube goiano procura um treinador de mais renome para recolocar o time na busca pelo acesso a elite do campeonato nacional.