Gaúcho: Árbitro explica confusão no jogo entre Juventude e Inter. Confira!

O técnico Luiz Carlos Winck foi apontado como o causador de toda a confusão por retardar o reinício do jogo

por Agência Futebol Interior

Porto Alegre, RS, 11 (AFI) - A vitória do Internacional sobre o Juventude, por 2 a 1, no Estádio Alfredo Jaconi, na tarde do último domingo, pela sexta rodada do Campeonato Gaúcho, foi marcada por muita confusão dentro do gramado. Todas as dúvidas, porém, foram tiradas após a divulgação da súmula do árbitro Vinícius Gomes do Amaral.

Tudo começou aos 43 minutos do primeiro tempo, quando o técnico Luiz Carlos Winck e seu auxiliar, Zé Carlos, retardaram a reposição rápida de William Pottker. O atacante do Internacional acabou sendo empurrado pelos membros da comissão técnica do Juventude, dando início a uma confusão generalizada.

O árbitro relatou na súmula o motivo da confusão entre Internacional e Juventude
O árbitro relatou na súmula o motivo da confusão entre Internacional e Juventude
Durante o empurra-empurra, Nico López e Victor Sallinas chegaram as vias de fato e acabaram sendo expulsos por Vinícius Gomes do Amaral. Luiz Carlos Winck e Zé Carlos também foram embora mais cedo. A partida ficou paralisada por sete minutos.

"Aos 43 minutos de jogo no primeiro tempo, após a bola sair pela linha lateral na frente da área técnica da equipe do Juventude o treinador sr. Luiz Carlos Coelho Winck e seu auxilar técnico, sr. José Carlos Marquês da Silva, realizaram uma atitude antidesportiva. O treinador puxou a bola para atrás com o pé e obstruiu com seu corpo a passagem do jogador do Internacional, sr. William de Oliveira Pottker, retardando assim o reinício do jogo. Essas atitudes foram realizadas também pelo auxiliar do treinador mencionado. Após essas condutas o auxiliar técnico ainda foi atrás do jogador William de Oliveira Pottker e tentou lhe empurrar pelas costas. Vale salientar que essas atitudes descritas foram as causadoras da confusão generalizada entre membros técnicos e jogadores de ambas as equipes,causando empurra-empurra e xingamentos", relatou o árbitro na súmula.

A segunda vitória seguida colocou o Internacional na quarta colocação do Gauchão, com dez pontos, três a mais que o Juventude, sétimo colocado. Faltam apenas cinco partidas para o fim da fase classificatória.