Clube gaúcho vai ser denunciado por ameaças de morte a árbitro

O TJD-RS está analisando qual artigo que o Veranópolis vai ser enquadrado

por Agência Futebol Interior

Veranópolis, RS, 01 (AFI) - O ano de 2019 não começou bom para o Veranópolis. Ainda sem ganhar no Campeonato Gaúcho e muito próximo da zona de rebaixamento, o VEC será denunciado pelas ameaças sofridas pelo árbitro Anderson Daronco após o empate com o Internacional, por 1 a 1, na última quarta-feira.

A Procuradoria do Tribunal de Justiça Desportiva do Rio Grande do Sul (TJD-RS) só não fez a denúncia porque está analisando qual artigo o Veranópolis vai ser enquadrado. As chances do clube escapar de alguma punição são mínimas tamanha a gravidade do ocorrido.

Na súmula da partida realizada na última quarta-feira, Anderson Daronco relatou que uma pessoa com a camisa do Veranópolis proferiu as seguintes palavras: "Ladrão, vagabundo, tu merece morrer seu filho da p... Nós vamos matar vocês, vocês são comprados pelo Internacional, seu ladrão de m... Vocês vão ver".

O responsável pelas ameaças não foi reconhecido por Anderson Daronco. No entanto, o diretor do Veranópolis, Vilson Roncatto, invadiu o vestiário da árbitragem no fim do jogo para questionar um lance. Isso também foi registrado na súmula.

O Veranópolis corre o risco de ser punido após Anderson Daronco receber ameaças de morte
O Veranópolis corre o risco de ser punido após Anderson Daronco receber ameaças de morte
Ainda sem vencer no campeonato e amargando a nona colocação, com os mesmos três pontos do Brasil de Pelotas, que abre a zona de rebaixamento, o Veranópolis encara o São José, neste domingo, no Passo D'Areia, pela quinta rodada do Gauchão.