Francês: Liga rejeita anular descensos e quer só 20 times na próxima temporada

Em comunicado, a liga disse que houve 23 votos para que o torneio se restrinja a 20 times e duas abstenções

por Agência Estado

Campinas, SP, 19 - A Liga de Futebol Profissional francesa votou nesta sexta-feira pela manutenção da elite do país com 20 participantes na próxima temporada, apesar da decisão da Justiça de suspender os rebaixamentos de Amiens e Toulouse para a segunda divisão.

Em comunicado, a liga disse que houve 23 votos para que o torneio se restrinja a 20 times e duas abstenções. A proposta precisa ser confirmada na assembleia geral da liga, marcada para a próxima terça-feira.

Liga francesa rejeita anular descensos e quer só 20 times na próxima tempora
Liga francesa rejeita anular descensos e quer só 20 times na próxima tempora

Em 9 de junho, o Conselho de Estado, o mais alto tribunal administrativo da França, manteve a decisão da liga de cancelar o restante da temporada do futebol doméstico em meio à pandemia de coronavírus. Porém, suspendeu o rebaixamento de Amiens e Toulouse, pedindo à liga para examinar se a primeira divisão poderia ser disputada com 22 equipes na próxima temporada, incluindo Lorient e Lens, que conseguiram o acesso.

Depois de consultar a Federação Francesa de Futebol, a liga declarou que 22 equipes não são viáveis porque impactam a saúde dos jogadores, em função da disputa de mais partidas, bem como os acordos pelos direitos de televisão e as obrigações contratuais das emissoras.

ENTENDA
Paralisado em março por causa da pandemia do coronavírus, o Campeonato Francês teve apenas 28 das 38 rodadas previstas disputadas nesta temporada, após a decisão, de 30 de abril, de encerrá-lo por causa da crise sanitária.

O Paris Saint-Germain, que estava na liderança, foi declarado o campeão, assim como os dois últimos colocados - Amiens e Toulose - tinham sido rebaixados. Já o Nimes, antepenúltimo, está previsto para disputar uma repescagem contra um representante da segunda divisão por uma vaga na elite.