Fortaleza cita calote de mexicanos e aguarda Fifa para contar com novo reforço

Nenê Bonilha foi anunciado pelo clube no dia 21 de julho, mas não conseguiu se desvincular Tiburones Rojos

por Agência Futebol Interior

Fortaleza, CE, 09 (AFI) - O Fortaleza anunciou Nenê Bonilha como reforço no dia 21 de julho, mas segue sem contar com o atleta para a disputa do Brasileirão. Isso porque o volante teve que acionar a Fifa para tentar a liberação junto ao Tiburones Rojos, clube mexicano com o qual ele rescindiu o contrato indiretamente em razão de salários atrasados.

"O que houve foi um calote financeiro do clube mexicano para com o Nenê Bonilha, e o jogador fez uma rescisão indireta com o Tiburones”, explicou Daniel de Paulo diretor de futebol tricolor, em entrevista ao Diário do Nordeste.

Foto: Divulgação / Veracruz
Foto: Divulgação / Veracruz
“O Fortaleza já tinha conhecimento desse problema e estava no aguardo da resolução. Agora, temos que ver a questão da janela internacional relativa ao México para chegarmos a uma definição", completou o dirigente.

No aguardo pela resolução do caso, o departamento de futebol divide as atenções com outros objetivos no mercado. Uma das prioridades do momento é a contratação de um zagueiro, e alguns nomes já estão sendo avaliado pelo treinador Rogério Ceni.