Campeão no Fortaleza, Ceni revela drama com seu pai, internado há uma semana

"Uma situação bem difícil e não quis abandonar o clube em momento nenhum porque sei que foi ele que me trouxe para o futebol"

por Agência Futebol Interior

Fortaleza, CE, 22 (AFI) - Nem tudo é alegria para Rogério Ceni no Fortaleza. Apesar de ser campeão estadual com duas vitórias sobre o rival Ceará, com 3 a 0 no placar agregado, o ex-goleiro vive um drama pessoal, revelado por ele mesmo na coletiva após a final.

"Eu estou com um problema muito sério com meu pai também, que está hospitalizado há uma semana. Uma situação bem difícil e não quis abandonar o clube em momento nenhum porque sei que foi ele que me trouxe para o futebol e que ele gostaria de ver esse título no Fortaleza", disse.

SITUAÇÃO MÉDICA DO PAI

Ao comentar sobre a situação médica de seu pai, Eurydes Ceni, que está internado em São Paulo, Rogério Ceni não entrou em detalhes, mas ainda se mostrou preocupado.

"O estado dele já esteve pior, mas ainda está bem precário. E você tem que ser profissional e seguir firme. Então tenho algumas coisas pendentes que preciso resolver também", comentou.

INTERESSE DO ATLÉTICO-MG

Nos últimos dias, o nome de Rogério foi ventilado no Atlético-MG, vice-campeão estadual.

Apesar de feliz com a lembrança de seu nome, o técnico do Fortaleza foi taxativo quanto ao seu foco no momento.

"Fico muito feliz por ter o reconhecimento de um clube do tamanho do Atlético-MG, ou de um profissional do clube. Mas quando começa a sair comentários desse tipo, é preciso ter ainda mais foco. Minha cabeça está no Fortaleza e não tenho outra opção.

SEQUÊNCIA NA TEMPORADA

Mesmo com os bons resultados, Rogério manteve os pés no chão e se mostrou preocupado com a sequência de jogos na temporada

"Para jogar só de domingo, acho que estaria competitivo. Para jogar de domingo e quarta com viagens, impossível. O Fortaleza tem 14 jogos em sequência e eu não tenho atletas para tanto.