Perto da janela, Fortaleza monitora situação de Jean Mota no Santos

Aos 24 anos, o meia nasceu em São Paulo e começou a carreira na Portuguesa

por Agência Futebol Interior

Fortaleza, CE, 16 (AFI) – O Fortaleza observa com atenção a janela de transferências do meio do ano. Dono de 12% dos direitos federativos do meia Jean Mota, o clube aguarda uma proposta oficial do Borussia Mönchengladbach pelo jogador do Santos. A transferência para o futebol alemão pode render o caixa necessário para quitar a dívida com o ex-presidente Luís Eduardo Girão, que emprestou dinheiro ao time cearense no fim de 2017.

Aos 24 anos, Jean Mota nasceu em São Paulo e começou a carreira na Portuguesa. Defendeu o clube do Canindé por três temporadas antes de se transferir para o Fortaleza em 2015, onde foi campeão cearense. Se firmou no clube e chamou a atenção do Santos. Na negociação com o clube paulista, a diretoria conseguiu manter 12% dos direitos federativos.

Perto da janela, Fortaleza monitora situação de Jean Mota no Santos
Perto da janela, Fortaleza monitora situação de Jean Mota no Santos

Como pode atuar como lateral esquerda, além de meia central, Jean Mota chamou a atenção do futebol alemão para a próxima temporada europeia. Além do Borussia Mönchengladbach, o Fenerbahçe da Turquia também sondou o jogador. A expectativa é que os valores ultrapassem a casa dos R$ 40 milhões. O Ceará também detém uma parte dos direitos federativos do atacante Everton, do Grêmio.

O contrato de Jean Mota com o Santos vai até 2022 e o clube da Vila Belmiro também tem interesse em receber uma boa quantia pela promessa. Na capital do Ceará, a divida com o ex-presidente Luís Eduardo Girão gira em torno dos R$ 6 milhões. Qualquer quantia acima disso se reverte em lucro para o Fortaleza.

 
 
" />