Rogério Ceni entra em acordo e vai comandar o Fortaleza em 2018

Esse será o primeiro trabalho do treinador fora do Morumbi, onde ficou de janeiro a julho deste ano

por Agência Futebol Interior

Fortaleza, CE, 10 (AFI) – Fortaleza e Rogério Ceni entraram em acordo nesta sexta-feira e o ídolo do São Paulo será o técnico de outro tricolor pela primeira vez, chegando para assumir o comando da equipe no ano do centenário.

Espaço incorporado por HTML (embed)

Como técnico, Rogério teve apenas uma experiência, justamente pelo São Paulo, no início deste ano. Em 37 jogos, o ex-goleiro teve aproveitamento de 49,5%, com 14 vitórias, 13 empates e dez derrotas.

Em entrevista exclusiva ao Portal Futebol Interior, o Executivo de Futebol do Fortaleza, Sérgio Papelim, confirmou a contratação e mostrou otimismo quanto à chegada do novo treinador.

“Tive a melhor das impressões do Rogério Ceni. Aquela imagem que muitas pessoas tem de arrogância, eu vi justamente o contrário. Nas vezes em que nos reunimos, o Rogério Ceni se mostrou uma pessoa muito sensata, humilde e identificado com a proposta de trabalho com o Fortaleza”, disse Papelim.

Pesa ainda na chegada de Rogério Ceni, a presença de Bosco, atual treinador de goleiros do clube. Quando era goleiro, Bosco foi um dos grandes companheiros de Rogério no São Paulo e uma pessoa de confiança que auxiliou na aproximação do técnico com o novo clube.

Em sete meses como treinador no Tricolor Paulista, Ceni foi eliminado nas semifinais do Campeonato Paulista pelo rival Corinthians, caiu na primeira fase da Copa Sul-Americana para o Defensa y Justicia e nas quartas de final da Copa do Brasil para o Cruzeiro. No Brasileirão, deixou o time na 17ª colocação, dentro da zona do rebaixamento.

Na próxima temporada, quando o Fortaleza completa 100 anos, o treinador terá pela frente o desafio de comandar a equipe no Campeonato Cearense e, principalmente, na Série B do Campeonato Brasileiro, graças ao acesso conquistado este ano. O clube ainda tenta vaga na Copa do Brasil através do ranking da CBF.