Fluminense libera ex-Ponte e mais dois para buscarem outros clubes

Felippe Cardoso, Matheus Alessandro e Pablo Dyego não estão nos planos do técnico Odair Hellmann

por Agência Futebol Interior

Rio de Janeiro, RJ, 28 (AFI) - Na tentativa de diminuir um pouco a folha salarial, o Fluminense comunicou os atacantes Felippe Cardoso, Matheus Alessandro e Pablo Dyego que eles estão livres para buscarem novos clubes.

Os três jogadores não estão nos planos do técnico Odair Hellmann para a sequência da temporada. Eles, inclusive, já vinham sendo pouco aproveitados pela comissão técnica tricolor.

O atacante Felippe Cardoso está de saída (Foto: Mailson Santana/Fluminense)
O atacante Felippe Cardoso está de saída (Foto: Mailson Santana/Fluminense)

SÓ DECEPÇÃO
Emprestado pelo Santos até dezembro deste ano, Felippe Cardoso disputou seis jogos e marcou um gol pelo Fluminense.

O atacante de 21 anos ainda tem excelente passagem pela Ponte Preta, vindo de uma experiência pela Segunda Divisão - Osvaldo Cruz.

Em Campinas, ele foi lapidado, se destacou e acabou indo para o Peixe. Na Vila Belmiro, além de mal orientado, acabou cometendo ato de indisciplina. Agora ele vai ter que recomeçar a sua carreira.

MAIS DOIS DISPENSADOS
Os outros dois nomes foram revelados na base do próprio Fluminense. Matheus Alessandro tem 24 anos e contrato até o fim de 2020. Foram sete jogos nesta temporada, cinco a mais do que Pablo Dyego, que tem 26 anos e vínculo com o Flu até dezembro de 2021.

Além deles, Odair Hellmann conta com as seguintes opções para o ataque: Fred, Marcos Paulo, Evanilson, Wellington Silva, Caio Paulista, Luiz Henrique, Gabriel Capixaba e Lucas Barcellos.