Nenê revive grande fase no Fluminense em 2020 e brinca com Prêmios Puskás

Dos 13 marcados pela equipe tricolor até agora, cinco foram anotados pelo experiente jogador

por Agência Estado

Rio de Janeiro, RJ, 10 (AFI) - Após uma temporada apagada com a camisa do Fluminense, o veterano Nenê parece retomar a sua grande forma técnica. O jogador de 38 anos se tornou o grande destaque do time carioca neste início de ano, mas não somente pela atuação no meio de campo, com belos passes e assistência. Tem brilhado em 2020 pelos gols.

Dos 13 marcados pela equipe tricolor até agora, cinco foram anotados pelo experiente jogador. No último domingo, foi o responsável por dois dos três gols da equipe na vitória sobre o Botafogo, em clássico válido pela sexta e última rodada da fase de grupos da Taça Guanabara, o primeiro turno do Campeonato Carioca.

Com este rendimento, Nenê já é o artilheiro do Estadual. Além disso, esteve em campo em seis das sete partidas do Fluminense disputadas em 2020 até agora. Por tudo isso, o jogador voltou a ser referência do time, algo que não acontecia há anos. Seu rendimento lembra até seus melhores momentos da carreira. No auge, quando defendia o Paris Saint-Germain, balançou as redes por seis vezes em seis jogos, no ano de 2012.

PUSKÁS?

Destaque tricolor. (Foto: Lucas Merçon / Fluminense)
Destaque tricolor. (Foto: Lucas Merçon / Fluminense)
Um dos gols do último domingo foi um dos mais bonitos do final de semana. Ele acertou, de primeira, lindo chute no ângulo, sem chances para o goleiro paraguaio Gatito Fernández, aos nove minutos de jogo. Foi o primeiro dos três gols do Fluminense no clássico.

O lance foi tão bonito que o time carioca, em tom de brincadeira, iniciou uma "campanha" para o gol concorrer ao Prêmio Puskás, reservado ao mais bonito do ano. "Alô, FIFA! É bom vocês arrumarem espaço pro voleio do Nenê no Prêmio Puskás, hein?", publicou o clube, em suas redes sociais.

A boa fase deve até causar a famosa "boa dor de cabeça" no técnico Odair Hellmann, que poderá ter que escolher entre Nenê e Paulo Henrique Ganso, titular da posição ao longo de boa parte do ano passado, nos próximos jogos. Voltando de lesão, Ganso substituiu o companheiro no segundo tempo do clássico.

Nenê e a boa fase do Fluminense terão mais um teste nesta quarta-feira. Em vantagem, jogando por um empate, o time tricolor vai enfrentar o Flamengo, no estádio do Maracanã, pela semifinal da Taça Guanabara.