Fluminense não terá Ganso e não irá se concentrar por causa de salários atrasados

Tricolor pegará o Fortaleza nesta quarta-feira, às 21h30, no estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro

por Agência Futebol Interior

Rio de Janeiro, RJ, 03 (AFI) - O Fluminense está aliviado com a permanência confirmada no Campeonato Brasileiro. Tanto é verdade que nem mesmo a lesão de Paulo Henrique Ganso preocupa o time para o confronto ante o Fortaleza nesta quarta-feira, às 21h30, no estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro, pela 37ª e penúltima rodada.

Ganso está com uma lesão na coxa esquerda e, dificilmente, voltará a jogar nesta temporada. O meia Guilherme também será desfalque, mas por cartão amarelo. Matheus Ferraz e Mascarenhas, enquanto isso, estão em trabalho de transição. Já Orinho e Muriel seguem machucados.

De fora do jogo. (Foto: Maílson Santana / Fluminense)
De fora do jogo. (Foto: Maílson Santana / Fluminense)

O técnico Marcão, ao menos, poderá contar com as voltas do zagueiro Digão e do meia Daniel, livres de suspensão. Digão entrará na vaga de Luccas Claro, enquanto Daniel deverá pegar o lugar de Dodi que atuou improvisado na rodada passada. Assim, Nenê segue como principal armador do Fluminense.

"Com o apoio do nosso torcedor no Maracanã, podemos pensar em coisas maiores. Nossos atletas estão comprometidos com o clube e com as nossas pretensões", disse Marcão de olho na Sul-americana.

Para este jogo, o elenco do Fluminense decidiu não se concentrar por conta dos salários atrasados. O treino desta terça-feira, aliás, começou com atraso por conta da reunião entre jogadores e diretoria. Já são quase três meses sem salários. Os atletas ficarão em suas casas e se apresentarão às 11 horas.

O Fluminense ocupa o 15º lugar com 42 pontos e, mesmo estando a seis da zona de rebaixamento, não pode mais ser rebaixado por conta do número de vitórias (11).

FLUMINENSE -
Marcos Felipe; Gilberto, Nino, Digão e Caio Henrique; Yuri Lima, Allan, Daniel e Nenê; Yony González e Marcos Paulo.