Fluminense recebe Palmeiras com meta de ficar mais longe da zona da degola

Tricolor das Laranjeiras depende apenas das próprias forças para escapar do rebaixamento no Brasileiro

por Agência Estado

Rio de Janeiro, RJ, 28 - Animado após ganhar por 1 a 0 sobre o CSA, na segunda-feira, em Maceió, o Fluminense vai tentar nesta quinta-feira obter duas vitórias seguidas pela terceira vez no Campeonato Brasileiro.

Mais importante do que isso, um triunfo sobre o Palmeiras, às 19h30, no Maracanã, pode deixar o clube bem mais longe do risco de queda para a Série B.

O Fluminense tem 38 pontos, dois a mais do que o Cruzeiro, o primeiro time dentro da zona de rebaixamento.

Fluminense tenta vitória para se distanciar da degola - Lucas Merçon / Fluminense FC
Fluminense tenta vitória para se distanciar da degola
A combinação de vitória sobre o Palmeiras e derrota mineira para o CSA, às 21h30, no Mineirão, deixará a equipe das Laranjeiras cinco pontos à frente da temida zona de rebaixamento, uma distância considerável quando se leva em consideração que faltarão apenas três rodadas para o fim do campeonato.

Depois de ter sofrido até a última rodada para escapar da queda no Brasileirão do ano passado, o Fluminense quer agora desfrutar de um fim de torneio mais tranquilo.

DEIXA PRA LÁ

O volante Alan disse que está evitando fazer contas sobre a luta contra o rebaixamento, mas ele sabe que um triunfo nesta quinta trará alívio ao Fluminense, que poderia até começar a sonhar com algo melhor do que simplesmente não ir à Serie B.

"A gente pensa jogo a jogo. Não sei como a matemática está sendo feita, mas queremos ganhar os dois próximos jogos. Se isso acontecer, podemos até pensar em subir um pouco na tabela e pegar uma vaga na Sul-Americana", afirmou o jogador.

O técnico Marcão não poderá contar nesta quinta com o volante Yuri, que está suspenso. Airton e Dodi são os candidatos a entrar no meio de campo da equipe, com mais chances para o primeiro.

Uma vez mais o Fluminense não contará com o jovem atacante João Pedro. Ele se recuperou da virose que o tirou de ação na semana passada, tanto que treinou normalmente nos dois últimos dias, mas a comissão técnica acredita que ele ainda não readquiriu sua condição física ideal e, por isso, o atacante não enfrentará o Palmeiras.