Para ser campeão pelo Flamengo, Ceni terá que quebrar jejum contra São Paulo

Ídolo do clube paulista, Rogério Ceni jamais venceu o São Paulo como treinador

por Agência Futebol Interior

Rio de Janeiro, RJ, 22 (AFI) - O Flamengo só depende das suas forças para ser bicampeão no Campeonato Brasileiro. Para atingir o objetivo, porém, o técnico Rogério Ceni terá que encerrar tabu contra o São Paulo, adversário na quinta-feira, às 21h30, no Morumbi, pela 38ª e última rodada.

Ídolo do clube paulista, Rogério Ceni jamais venceu o São Paulo como treinador. São sete jogos com cinco derrotas e dois empates. Pelo Flamengo, Ceni foi derrotado e eliminado na Copa do Brasil - 2 a 1 no Maracanã e um sonoro 3 a 0 no Morumbi.

Tabu para Rogério Ceni. (Foto: Alexandre Vidal / Flamengo)
Tabu para Rogério Ceni. (Foto: Alexandre Vidal / Flamengo)
Já no comando do Fortaleza, Rogério Ceni apanhou três vezes no Brasileirão de 2019 e 2020, além de ter empatado duas vezes na Copa do Brasil, o que resultou em mais uma eliminação no torneio nacional. No Morumbi, Ceni tem aproveitamento de 8,3% como treinador.

"É um time que nos fez sofrer bastante este ano, existiram derrotas doloridas para o São Paulo. Vamos para lá em busca da vitória, sempre com muito respeito", disse o treinador do Mengo.

OUTRO LADO!
Ainda assim, ele é ídolo na casa do São Paulo. Foi lá, por exemplo, que faturou a Libertadores de 2005. Sem falar no bi do Brasileirão em 2006 e 2007 e na Copa Sul-americana em 2012.

"O Morumbi, é inegável, faz parte da minha história. Eu tenho um respeito muito grande pelo São Paulo. Minha primeira parte da vida foi vivida lá. Mas agora estamos em uma nova fase. Agora quero reescrever minha história pelo Flamengo", seguiu Ceni.