Clube japonês entra na briga por atacante do Flamengo

Oferta vem depois de o FC Cincinatti, clube dos Estados Unidos, ter aceito a contraproposta do Flamengo

por Agência Futebol Interior

Rio de Janeiro, RJ, 06 (AFI) - Mesmo depois de avançar as negociações com o FC Cincinatti, dos EUA, o destino do atacante Lincoln segue indefinido. Isso porque o Vissel Kobe, do Japão, entrou na briga para contar com o jogador de 20 anos. Agora, o Flamengo analisa a situação antes de dar uma resposta.

A primeira proposta feita pelo clube americano foi considerada baixa pelos dirigentes rubro-negros, que apresentaram uma contraproposta. Na contraproposta, o FC Cincinatti receberia Lincoln por empréstimo até julho de 2021 com uma cláusula que exigiria a compra em definitivo desde que o atacante atingisse algumas metas estipuladas, o que foi aceita pelo clube americano.

O molde da oferta do Vissel Kobe é igual. O clube japonês fez uma proposta de empréstimo com obrigação de compra, desde que Lincoln atinja as metas.

Entretanto, o empréstimo seria um pouco mais longo, até dezembro de 2021.

FORA DOS PLANOS

Lincoln não está nos planos do técnico Rogério Ceni e desde dezembro vem treinando com o time Sub-20. Recentemente, o Pafos, do Chipre, tentou a sua contratação, mas a negociação não foi concluída.

Flamengo finaliza preparação para clássico contra o Fluminense no Brasileirão:

Espaço incorporado por HTML (embed)