Copa do Brasil: Elenco do Flamengo vê disputa aberta, mas aposta no fator casa

O meia Everton Ribeiro e o atacante Gabigol comemoram o empate com o Athletico-PR, em Curitiba

por Agência Futebol Interior

Rio de Janeiro, RJ, 10 (AFI) - O empate conquistado na noite desta quarta-feira, por 1 a 1, na Arena da Baixada, deixaram os jogadores do Flamengo otimistas em relação a uma possível classificação para as semifinais da Copa do Brasil diante do Athletico-PR. Principalmente pelo fato de decidir em casa.

O jogo de volta está marcado para a próxima quarta-feira, às 21h30, no Maracanã. Quem vencer se classifica e, em caso de um novo empate, a decisão vai para os pênaltis. Gols fora de casa não vale como critério de desempate.

O atacante Gabigol foi o autor do gol que garantiu o empate do Flamengo em Curitiba (Foto: Alexandre Vidal/Flamengo)
O atacante Gabigol foi o autor do gol que garantiu o empate do Flamengo em Curitiba (Foto: Alexandre Vidal/Flamengo)

"Está tudo aberto, porque jogamos em casa e vamos ter o apoio da torcida. Expectativa é de um jogo aberto, bom, e esperamos fazer uma grande partida para sairmos classificados", disse o meia Everton Ribeiro, que entrou apenas no segundo tempo.

SEGUIU A MESMA LINHA

Apesar de ter desperdiçado duas boas oportunidades, Gabigol foi o autor do gol de empate rubronegro e, assim como Everton Ribeiro, destacou a importância da torcida na partida de volta.

"Um gol importante, que ajuda, mas não decreta nada. Vamos jogar em casa, com a nação ao nosso lado", comentou o atacante, que preferiu não comentar a confusão com o goleiro Santos já nos minutos finais.

Antes do jogo de volta da Copa do Brasil, o Flamengo entra em campo na manhã do próximo domingo, contra o Goiás, às 11 horas, no Maracanã, pela décima rodada do Brasileirão, onde o time se encontra na terceira colocação, com 17 pontos.