Destaques na Copa América, dupla do Flamengo chama a atenção da Europa

Dos cinco jogadores estrangeiros do elenco, três foram convocados pelos seus países de origem e dois já estão com propostas em mãos

por Agência Futebol Interior

Rio de Janeiro, RJ, 04 (AFI) – A Copa América pode render uma baita dor de cabeça para o Flamengo. Dos cinco jogadores estrangeiros do elenco, três foram convocados pelos seus países de origem e dois já estão com propostas em mãos para jogar na Europa. O lateral Miguel Trauco, finalista da competição com o Peru, e o volante Gustavo Cuéllar, eliminado na semi com a Colômbia, estão de malas prontas para deixar a Gávea.

Com 26 anos, Trauco tem possibilidade concretas de deixar o Flamengo. O lateral esquerdo tem contrato só até dezembro deste ano e recebeu sondagens de pelo menos quatro clubes europeus. Finalista da Copa América com o Peru, é provável que ele nem se reapresente na Gávea, dependendo apenas de um acerto entre os clubes.

Cuéllar com a camisa da Colômbia
Cuéllar com a camisa da Colômbia
A saída de Trauco pode abrir espaço para o Flamengo contratar um nome de peso nesta janela de transferências internacionais. O clube tem dois jogadores em pauta: Filipe Luís, que está a serviço da Seleção Brasileira na Copa América, e Guilherme Arana, ex-Corinthians e atualmente no Sevilla da Espanha. Um deles pode desembarcar na Gávea.

Tratado como joia, Cuéllar não vai sair do Flamengo tão fácil. O clube já recusou a primeira oferta do Galatasaray, da Turquia, pelo volante de 26 anos. Ele tem contrato até o final de 2022 e uma multa estratosférica de 50 milhões de euros, aproximadamente R$ 215 milhões. O colombiano está há quatro temporadas no clube e conquistou a confiança da torcida.