Catarinense: Após veto, Figueirense estuda mandar jogos no Centro de Treinamento

O clube pensava em utilizar o Campo do Avante, que foi vetado pela Federação Catarinense de Futebol

por Agência Futebol Interior

Florianópolis, SC, 19 (AFI) - O Figueirense não teve o mesmo sucesso do rival Avaí, que conseguiu a liberação do Estádio Renato Silveira junto a Federação Catarinense de Futebol (FCF), e viu o Campo do Avante ser reprovado por questão de segurança.

Com isso, a diretoria estuda outras alternativas para mandar os jogos quando o Campeonato Catarinense ser retomado caso a Prefeitura de Florianópolis mantenha o veto na cidade.

Figueirense não descarta jogar no CFT do Cambirela, em Palhoça
Figueirense não descarta jogar no CFT do Cambirela, em Palhoça
Uma possibilidade é usar o Centro de Formação e Treinamentos do Cambirela, em Palhoça. O local, inclusive, está sendo utilizado pelo clube para realizar os treinos.

"O jogo no CFT vemos com bons olhos e estudamos essa possibilidade, mas não depende apenas de nós. Quando houver uma definição dos jogos, a ideia é ter um local para atuar, pois termos que adaptar o elenco ao tipo de gramado", disse o executivo de futebol Luciano Sorriso.

Apesar da FCF ter anunciado que o Campeonato Catarinense vai ser retomado a partir o dia 8 de julho, o Governo de Santa Catarina ainda não definiu nada sobre a liberação de jogos no Estado.

Nas quartas de final, o Figueirense vai enfrentar o Juventus. O jogo de ida está marcado para o dia 9 de julho, no João Marcatto, e o de volta três dias depois, em local ainda a ser definido.