Único clube sem vitória no returno da Série B, Figueirense fala em "jogo da vida"

Na lanterna da Série B, Figueirense ainda acumula jejum de 16 partidas sem vitória

por Agência Futebol Interior

Florianópolis, SC, 03 (AFI) - O técnico Márcio Coelho já que o tempo do Figueirense está se esgotando. Até mesmo por isso, ele quer e precisa começar a reação o mais rápido possível. E o primeiro "jogo da vida" será nesta sexta-feira, às 19h15, ante o Oeste pela 26ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro.

"A equipe tem que entrar nesse jogo como o da vida. Não dá mais para protelar. É um jogo crucial, onde talvez a gente entre, com uma vitória, fique três pontos de uma possível saída da zona, se tudo correr bem e a gente fazer a nossa parte. Começa de novo a perseguição de quem está na frente. Só a vitória interessa, não tem mais para onde correr, os três pontos são fundamentais", disse o treinador.

Márcio Coelho busca o
Márcio Coelho busca o "jogo da vida" para sair da lanterna da Série B. (Foto: Andrey de Oliveira / FFC)
O problema é que a situação do Figueira não é nada boa. O clube é o único que ainda não venceu no returno. São dois empates e quatro derrotas. Sem falar que, no geral, o clube catarinense acumula 23 pontos, cinco a menos do que o primeiro rival fora da degola e sete a menos do que o Oeste.

Como se isso não bastasse, o Figueirense ainda acumula jejum de 16 partidas sem vitória. Outro dado que não irá animar nadinha o torcedor que comparecer ao Orlando Scarpelli nesta sexta-feira é o fato de que o Figueira tem a segunda pior campanha como mandante - 13 pontos em 12 jogos.

E o time?
Contratados recentemente, Luis Ricardo e Conrado treinaram entre os titulares sob o comando do técnico Márcio Coelho e devem fazer suas estreias. Por outro lado, o treinador não deve contar com o volante Betinho e o meia Fellipe Mateus, que se recuperam de lesão. A tendência é que o meio de campo tenha Patrick, Tony e Andrigo.

O Figueirense deverá ir a campo com Matheus Vidotto; Luis Ricardo, Alemão, Ruan Renato e Conrado; Patrick, Tony e Andrigo; Robertinho, Éverton Santos e Yuri Mamute.