Luto! ídolo do Ferroviário, ex-meia revelado pelo Fortaleza morre aos 71 anos

Mano conquistou dois campeonatos cearense jogando com a camisa do Ferrão na década de 60

por Agência Futebol Interior

Fortaleza, CE, 07 (AFI) - Morreu na madrugada desta quarta-feira o ex-meio-campista Dionísio Muniz Trajano, popularmente conhecido como Mano. Ele tinha 71 anos e foi enterrado nesta tarde, no Cemitério jardim do Éden, Pacatuba, no Ceará.

Revelado pelo Fortaleza, Mano se destacou mesmo com a camisa do Ferroviário, clube do qual é ídolo. Com a camisa Coral, foi campeão cearense em duas oportunidades entre as décadas de 60 e 70, quando também levantou a Taça Estado do Ceará.

Foto: Divulgação / Ferroviário AC
Foto: Divulgação / Ferroviário AC
O ex-jogador fez 99 partidas pelo Ferroviário e marcou 19 gols. Em uma visita feita ao clube em 2018, ele deixou por lá as faixas dos títulos estaduais de 1968 e 1970, a primeira delas assinada por Pelé na ocasião em que o time cearense enfrentou o Santos em um jogo comemorativo. O Ferrão lamentou a morte em nota oficial:

É com profundo pesar que o Ferroviário Atlético Clube comunica o falecimento do ex-atleta Mano, campeão cearense pelo Ferrão nos anos de 1968 e 1970. Diretoria Executiva, Conselho Deliberativo, Comissão Técnica, Atletas e Funcionários se solidarizam e prestam as mais sinceras condolências à família e amigos.

O corpo está sendo velado na Funerária Jardim do Éden (Rua Rodrigues Junior, 884 – Centro, próximo ao Banco Central), com missa de corpo presente às 11h. O enterro será às 15h, no Cemitério Jardim do Éden, em Pacatuba. Haverá um ônibus partindo da Funerária às 13h.