Paulistão: Elano sai em defesa de goleiro da Ferroviária após falha bizarra

No segundo gol do Santo André, Saulo demorou para soltar a bola e foi desarmado por Minho

por Agência Futebol Interior

Araraquara, SP, 30 (AFI) - Apontado por muitos como o culpado pelo tropeço da Ferroviária em casa diante do Santo André, na última quinta-feira, o goleiro Saulo foi defendido pelo técnico Elano Blumer.

Pouco depois da Locomotiva voltar a ficar na frente do placar, Saulo demorou para soltar a bola e foi desarmado dentro da área por Minho, que rolou para Caio Rangel marcar o gol de empate.

Saulo falhou no segundo gol do Santo André (Foto: Divulgação/Ferroviária)
Saulo falhou no segundo gol do Santo André (Foto: Divulgação/Ferroviária)
"O Saulo está muito chateado e triste com o que aconteceu, tenho certeza que é uma noite muito difícil para ele e precisamos apoiar", disse o treinador grená, que minimizou os vários erros do time ao longo da partida.

"São dois dias de treinos, e você coloca uma ideia, eles entendem e cometem alguns erros, faz parte. No decorrer dos dias isso já fica mais claro e os erros serão diminuídos".

O empate por 2 a 2 com o Santo André marcou a estreia de Elano Blumer no comando grená e não permitiu que a Ferroviária se distanciasse da Ponte Preta na briga pela vice-liderança do Grupo A.

A Locomotiva está na segunda colocação com 12 pontos, dois a mais que a Ponte Preta. Faltam três jogos para cada um na fase classificatória.