Paulistão: Novo técnico da Ferroviária analisa pressão e projeta títulos

"Quero ser campeão paulista, campeão da Copa do Brasil e campeão da Série D", disse Marcelo Vilar

por Agência Futebol Interior

Araraquara, SP, 08 (AFI) - O técnico Marcelo Vilar assumiu a Ferroviária, substituindo Vinicius Munhoz, que levou a equipe grená ao vice-campeonato da Copa Paulista de 2018 e às quartas de final do Paulistão, mas não aceitou virar dirigente e dirigirá o Red Bull Brasil no Paulista A2. O comandante afeano falou sobre o tema em entrevista coletiva.

"A minha experiência já ajuda na questão de estar pressionado e eu estou procurando fazer o melhor para a Ferroviária. Não adianta ficar preocupado com o que vai acontecer. A gente vai continuar fazendo nosso trabalho, aproveitando o que já tem, acrescentando algumas coisas e aí vamos aguardar o resultado, sem pressão", disse.

Marcelo Vilar
Marcelo Vilar
Bem humorado, o treinador grená ainda revelou que pretende conquistar tudo o que for possível. Em 2020, o calendário prevê a disputa do Paulistão, da Copa do Brasil e do Brasileiro Série D, podendo ainda participar da Copa Paulista.

"Quero ser campeão paulista, campeão da Copa do Brasil e campeão da Série D. Acho que assim está bom, temos que pensar grande, porque é a partir daí que as coisas dão certo", encerrou.

Mercado da Bola
Ferroviária-SP
Elenco ainda não definido
  • Goleiros

    Gabriel Leite, José Guilherme e Saulo

  • Laterais

    Alisson, Marcos Ytalo, Bruno Recife, Euller e Marquinhos

  • Meias

    Daniel de Carvalho, Willian, Joninhas e Karl

  • Atacantes

    Roberto Pitio, Luís Henrique, Caio Rangel, Henan e Yuri

  • Técnico

    Sérgio Soares