Copa Paulista: Vinícius Munhoz lamenta queda, mas vê Ferroviária com identidade

O time de Araraquara foi eliminado da competição ao emptar por 2 a 2 com o Mirassol

por Agência Futebol Interior

Araraquara, SP, 17 (AFI) - A Ferroviária deu adeus ao sonho de título da Copa Paulista ao ficar no empate por 2 a 2 diante do Mirassol, nesta quarta-feira, fora de casa, pela quinta rodada da Terceira Fase. O técnico Vinícius Munhoz lamentou a queda, mas viu como 'bom' o desempenho da equipe durante os 90 minutos.

"Jogo disputado até o último minuto. Sabíamos que seria equilibrado. Já tínhamos enfrentado o Mirassol. Foi, novamente, um grande jogo. Essa partida envolvia um caráter decisivo, uma força emocional. Ferroviária teve dificuldade no primeiro tempo, acabamos levando um gol. Fizemos as correções no intervalo e tivemos que colocar o time para frente. O jogo ficou mais franco, empatamos, levamos um gol de arremesso, fizemos o segundo, pressionamos, mas infelizmente não conquistados o resultado esperado", afirmou o técnico Vinícius Munhoz.

Ferroviária empata com Mirassol
Ferroviária empata com Mirassol
O treinador ainda analisou a trajetória da equipe de Araraquara: "Ferroviária caiu em um grupo muito equilibrado. Tivemos três derrotas incomuns. Mais uma vez, fizemos um trabalho bem feito. Ferroviária trabalha baseado em ideias. Temos vários jogadores da base se destacando. Se não foi possível chegar na semifinal, fica o alento de ter um trabalho bem feito", concluiu.

SITUAÇÃO
A Ferroviária terminou a rodada na terceira posição do Grupo 10, com quatro pontos, não podendo mais alcançar Mirassol, oito, e São Caetano, 13. Lanterna, o Santo André, tem três. A Ferrinha fecha sua participação contra o Ramalhão neste sábado, às 16h, na Arena da Fonte Luminosa.