Promessa da Ferroviária faz história e é o mais jovem a marcar na Copa Paulista

Com apenas 17 anos e 7 meses, Jhoninha marcou o gol da vitória contra o Mirassol na sexta rodada

por Agência Futebol Interior

Araraquara, SP, 08 (AFI) - Na última partida da Ferroviária pela Copa Paulista, sábado (03), a Ferroviária derrotou o Votuporanguense por 3 a 2, fora de casa, e atingiu a marca de 100% de aproveitamento. Com sete vitórias em sete jogos, a Locomotiva tem o melhor início da história.

Além disso, outra marca importante foi conquistada nesta competição. Na sexta rodada, a Locomotiva derrotou o Mirassol por 1 a 0. O autor do gol da vitória foi Jhonatan Rogério de Souza Cintra, mais conhecido por Jhoninha. Com apenas 17 anos e 7 meses, Jhoninha se tornou o jogador mais jovem a marcar gol na Copa Paulista em 2019.

Ele também é o mais novo a marcar gol pela Ferroviária desde a reinauguração da Fonte Luminosa em 22 de outubro de 2009. Foram considerados os campeonatos Paulista, Copa Paulista, Copa do Brasil e Brasileiro.

Com apenas 17 anos e 7 meses, Jhoninha marcou o gol da vitória contra o Mirassol
Com apenas 17 anos e 7 meses, Jhoninha marcou o gol da vitória contra o Mirassol

Em sete rodadas envolvendo 24 times na Copa Paulista 2019, foram marcados 164 gols. Além de Jhoninha, o segundo jogador mais jovem a balançar as redes nesta edição da competição também é da base da Ferroviária: Miqueias, quando tinha 17 anos e 11 meses.

Essas conquistas não são por acaso. Nos últimos anos, a AFE vem se destacando pela organização e valorização das categorias de base. Desde 2017, o clube faz parte do seleto grupo de 39 clubes do país que possuem o certificado de clube formador. Dentre eles, apenas 28 têm o certificado CCF A (aproximadamente 4% dos clubes do país), com validade de dois anos. A Ferroviária é um deles. Para a obtenção do certificado, é necessário atender a diversos requisitos essenciais para o desenvolvimento de jovens atletas, como auxílio médico, psicológico, nutricionista, alojamento adequado, entre outros.

O resultado é observado dentro de campo. Desde 2014, as categorias sub-15 e sub-17 se classificam pelo menos à segunda fase do Campeonato Paulista, sendo que a categoria sub-17 se classifica como líder de seu grupo na primeira fase desde 2016 (quatro anos consecutivos). Em 2019, além do sub-17, a equipe sub-15 também se classificou como líder de seu grupo. A categoria sub-20 também avançou à segunda fase.

Na Copa São Paulo de Futebol Júnior, um dos principais torneios de base do Brasil, a Ferroviária também vem alcançando destaque. Em 2018, a AFE teve um dos artilheiros da competição. Na época, o jogador Luís Henrique Martins dos Santos marcou seis gols. Em 2019, a Locomotiva foi líder do seu grupo na primeira fase, na frente do São Paulo. A equipe foi eliminada na terceira fase da competição, quando reencontrou o Tricolor Paulista, que se consagraria campeão.

PROMESSAS AFEANAS GANHAM DESTAQUE EM OUTROS CAMPOS
O atacante araraquarense Felipe Estrella, de apenas 18 anos, se destacou pela Ferroviária na Copa São Paulo de Futebol Júnior de 2019, marcando quatro gols em cinco partidas. Após a competição, o jogador foi emprestado para a Roma, um dos principais clubes da Itália.

Após a Copa SP de 2018, o meia Rafinha, de 18 anos, foi contratado pelo Corinthians, na época o atual campeão brasileiro. Outro destaque araraquarense é o atleta Kaio Pantaleão, nascido no bairro do Vale do Sol e segundo jogador mais jovem a marcar pela Ferroviária na última década. Kaio esteve no time que foi vice-campeão da Copa Paulista e atualmente defende o Krasnodar, da Rússia, que disputa a Liga dos Campeões.

COPA PAULISTA, PRATAS DA CASA E RESULTADOS
Em 2019, a Ferroviária está alcançando grandes marcas: 100% de aproveitamento, melhor início de sua história e chegou a ficar 558 minutos sem levar gol. Para alcançar essas marcas, o treinador Vinicius Munhoz está valorizando os jogadores formados no clube. Logo na estreia, 13 atletas relacionados eram da base da Locomotiva, sendo que sete atuaram de titular.

Considerando todos os jogos da Ferroviária na Copa Paulista, em cada partida foram utilizados pelo menos quatro atletas da base, entre titulares e substituições. Ao todo, 17 atletas formados no clube foram relacionados para alguma partida nesta competição.