Clube que está na terceira fase da Segundona faz rifa para sanar salários

"É questão de tempo e tudo será resolvido o mais rápido possível", disse o presidente do Fernandópolis, Oclécio de Almeida Dutra

por Agência Futebol Interior

Fernandópolis, SP, 12 (AFI) - Classificado para a terceira fase do Campeonato Paulista da Segunda Divisão, o Fernandópolis vem atravessando momento difícil financeiramente, tanto que está com dois meses de salários atrasados. Na semana passada, o elenco chegou a fazer greve reivindicando pagamento. Agora, a Águia resolveu inovar e fez a rifa de uma moto no empate sem gols com o VOCEM, no último domingo, para arrecadar dinheiro.

"É questão de tempo e tudo será resolvido o mais rápido possível. A comissão técnica e o elenco vêm fazendo a sua parte dentro das quatro linhas e nós estamos fazendo o possível para deixar em dia", comentou o presidente do clube, Oclécio de Almeida Dutra.

Fernandópolis
Fernandópolis
"Precisamos de apoio não só da nossa torcida como também da cidade, do comércio e dos empresários. O time vem fazendo uma boa campanha e tem tudo para buscar o acesso", finalizou.

Na terceira fase, o Fefecê está no Grupo 14, ao lado de Catanduvense, Guarulhos, São José. Agora, a partir do próximo final de semana, as equipes jogarão em turno e returno e, após seis rodadas, o campeão e vice de cada grupo vão avançar às quartas de final.