Aos 49 anos, Muller, aquele mesmo, marca o primeiro gol da Segundona pelo Fernandópolis

Ex-São Paulo e Seleção Brasileira, o atacante foi substituído logo após anotar o primeiro gol da competição. Na saída do gramado, o veterano dedicou o gol à torcida

por Agência Futebol Interior

Fernandópolis, SP, 17 (AFI) - O primeiro gol da quarta divisão do Campeonato Paulista, a Segundona, de 2015, foi anotado por um atacante ilustre. Com a camisa do Fernandópolis, Muller, ele mesmo, retornou aos gramados aos 49 anos e foi responsável por marcar balançar as redes pela primeiras na competição, aos 20 minutos do primeiro, na estreia do time frente ao Grêmio Prudente.

No lance, o ex-comentarista e atacante do Fefecê, recebeu do meia Netinho e, esbanjando calma e categoria, deslocou o goleiro para abrir o placar do jogo, que aconteceu no Estádio Cláudio Rocante, com boa presença da torcida do Fernandópolis. Logo após o gol, Muller foi substituído por não ter condições físicas de suportar mais do que 20 minutos de jogo. A alteração já estava prevista pelo treinador Júnior Paulista, que revelou nesta semana que o ex-comentarista deve integrar, também, a comissão técnica, pela experiência dentro do futebol.

Aos 49 anos, Muller anotou o primeiro gol da Segundona com a camisa do Fernandópolis - Vinícius de Paula/ Agência Mirassol FC
Aos 49 anos, Muller anotou o primeiro gol da Segundona com a camisa do Fernandópolis
Em entrevista à Rádio Difusora, de Fernandópolis, o veterano atacante dedicou o gol à torcida do Fernandópolis. "Esse gol tem sabor de alegria, de satisfação. De dar o prêmio de alegria para a torcida, que veio prestigiar nosso time em peso", disse Muller.

Aos 49 anos, Muller não foi o único veterano que aceitou o convite do time do interior de São Paulo para voltar à ativa. Além dele, o Fernandópolis ainda contratouo ex-lateral-direito do Cruzeiro, Maurinho, de 36 anos, e o ex-atacante de São Paulo e Vasco, Alex Dias, de 42.

A Segundona ainda conta como atração outros nomes conhecidos do torcedor paulista, só que como treinadores. Rubens Cardoso, ex-Guarani e campeão Mundial pelo Internacional será o treinador do Amparo; assim como Axel, ex-São Paulo, que treinará o Jabaquara; e Rogério, ex-Corinthians e Palmeiras que treinará o Taboão da Serra.

 
 
" />