Brasil já tem 22 campeões estaduais. Confira TODOS no FI!

O domingo foi de festa para 17 clubes e tristeza para outras 17 torcidas

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 08 (AFI) – O domingo foi de festa para 17 clubes e tristeza para outras 17 torcidas. O final de semana foi marcado por decisões de campeonato de Norte a Sul do Brasil. Desde competições tradicionais, como o Paulistão e o Carioca, até estaduais com menos glamour, como Acreano e Sul-Matogrossense.

Em São Paulo, o Corinthians mostrou superação para superar o “primo rico” Palmeiras. O mesmo aconteceu com Cruzeiro e Botafogo, que saíram em desvantagem na ida, mas conquistaram a taça com vitórias emocionantes na volta.

Em Goiás, o Goiás confirmou sua hegemonia ao conquistar o tetracampeonato. Por outro, lado três acabaram com longos jejuns estaduais. O Grêmio não vencia o Gaúcho desde 2010. No Alagoano, o CSA não levantava a taça desde 2008. Já o Náutico não era campeão desde 2004. Mas ninguém supera o Sobradinho, que no sábado, foi campeão do Brasiliense pela primeira vez desde 1986.

Grêmio voltou a ser campeão gaúcho após quase uma década
Grêmio voltou a ser campeão gaúcho após quase uma década

Confira os campeões estaduais de 2018:

Paulistão – Corinthians (29º títulos e 2º consecutivo)

Paulista da Série A2 – Guarani (2º título)

Acreano – Rio Branco (47º título)

Alagoano – CSA (38º título)

Amazonense – Manaus (2º título e 2º consecutivo)

Baiano – Bahia (47º título)

Brasiliense – Sobradinho (3º título)

Carioca – Botafogo (21ª título)

Capixaba – Serra (6º título)

Catarinense – Figueirense (18º título)

Cearense – Ceará (45º título e 2º consecutivo)

Gaúcho – Grêmio (37º título)

Goiano – Goiás (28º título e 4º consecutivo)

Maranhense - Moto Club (26º título)

Mato-grossense – Cuiabá (8º título e 2º consecutivo)

Mineiro – Cruzeiro (37º título)

Paraense – Remo (45º título)

Paraibano – Botafogo (29º título e 2º consecutivo)

Paranaense – Atlético-PR (24º título)

Pernambucano – Náutico (22º título)

Potiguar – ABC (55º título e 3º consecutivo)

Sul-mato-grossense – Operário (11º título)

 
 
" />